Carreira

Pessoas positivas ganham salários melhores, diz estudo

iStock

iStock

Ser cínico pode ser um fator determinante para o seu salário. Um estudo publicado no Journal of Personality and Social Pshychology, feito durante nove anos, mostrou que pessoas positivas ganham aproximadamente US$ 300 a mais por mês do que quem apresenta alto nível de cinismo.

O motivo dessa diferença salarial é a confiança de pessoas cínicas em colegas. Isso dificulta o trabalho em equipe e as motiva a colaborarem menos e não pedirem ajuda. Todos esses fatores podem prejudicar muito a carreira profissional.

Curiosamente, os pesquisadores descobriram que essa disparidade não se aplica a participantes que moram em áreas onde o comportamento antissocial é generalizado – como bairros com altas taxas de homicídios. Nestes locais um olhar suspeito pode funcionar como mecanismo de segurança, por isso, atitudes cínicas não interferem nos ganhos.

Atitudes negativas têm mais consequências além de prejudicar o salário, como desenvolvimento de problemas no coração, inflamações no corpo e maiores riscos de demência. Pessoas cínicas têm tendência a não confiar, mas é preciso tomar cuidado com o pessimismo.

A boa notícia é que há maneiras de mudar atitudes negativas. Para isso, é preciso esquecer traumas do passado, que podem ter motivado a falta de confiança. Além disso, é importante não se ver como vítima e não culpar outra pessoa quando algo dá errado. Treine o cérebro para ter uma visão mais positiva e seja grato pelo que dá certo, em vez de reclamar do que dá errado. Ser mais positivo não quer dizer ver o mundo com óculos cor de rosa, mas deixar o cinismo de lado e desenvolver um senso mais realista do mundo.

Abandonar o pessimismo não só pode aumentar o salário como ajuda a viver mais.

Comentários
Topo