Carreira

Saber contar histórias é o segredo para conseguir um emprego

Istock

Istock

Bons contadores de história conseguem transformar um acontecimento cotidiano em algo inspirador. A forma como essas pessoas moldam e embelezam seus relatos é o que as diferenciam. Não parece, mas este pode ser um dos segredos mais preciosos para conseguir um emprego.

No meio corporativo, essa habilidade não é só útil quando o entrevistador pede “fale um pouco mais sobre quando você…” para esclarecer algum ponto do seu currículo ou carta de apresentação. Na verdade, essas não são as histórias que importam. Você precisa ir além de cargos, tópicos e números. É preciso falar sobre você. Não é possível vender nada sem uma história, nem a si mesmo.

LEIA MAIS: Como procurar um novo trabalho enquanto se está empregado

Um mecânico precisa ser um bom contador de histórias para convencer o cliente de que ele precisa trocar as pastilhas de freio imediatamente. Se um médico não sabe narrar, não vai conseguir convencer o paciente a começar um tratamento para prevenir diabetes. Se você não consegue contar uma história cativante sobre si mesmo, talvez não consiga um segundo encontro com aquela pessoa especial.

O resumo não fala por si mesmo, nem as experiências profissionais ou os desejos, ética e criatividade de um candidato. É preciso ilustrar e animar as características que são importantes que o recrutador conheça. Dessa forma, você mostra intenção e controle sobre as escolhas que fez na sua vida e deixa claro que suas conquistas são resultado do seu esforço e não da sorte. Você se coloca como protagonista e não como vítima das circunstâncias. Demonstra reflexão e autocrítica em vez de discorrer sobre uma lista dos cursos feitos ou das conquistas no último emprego.

Comentários
Topo