Carreira

8 dicas para quem pretende se arriscar em um empreendimento

Não são raros os casos de alguém que sonha em abrir mão de algumas certezas, como um emprego, para se arriscar e apostar em um negócio próprio. Ter medo é comum, mas nem sempre uma coisa ruim. É preciso ter coragem!

VEJA MAIS: Como Marcos Amaro deixou os negócios de lado pelo amor à arte

O grupo de conselheiros de FORBES selecionou 8 dicas essenciais para que esta aventura seja, ao menos, um pouco mais certeira e segura.

Veja na galeria de fotos abaixo:

  • Administre sua vida pessoal

    “Para enfrentar desafios, é preciso ter ciência do cenário em que você se encontra. Saber administrar é necessário. Se for preciso, peça ajuda a profissionais. Eles irão o ajudar, aconselhar e auxiliar nas diversas maneiras de enxergar as situações. Com eles, você poderá ir além, fazer, ver e ser mais”, ensina Jessica Miller-Merrell, do site Blogging4Jobs

  • Pague suas dívidas

    “Ser um empreendedor significa não ter mais um salário fixo e semanal. Portanto, se você tem dívidas: quite! Além disso, reduza suas despesas e se certifique de compreender os custos das coisas e a real necessidade que elas têm. Uma situação financeira boa e estável lhe proporcionará capacidade de enfrentar altos e baixos, típicos do começo de uma carreira empreendedora”, aconselha Elizabeth Saunders, da consultoria Real Life E.

  • Não espere que sua vida se torne glamorosa

    “Sair do seu emprego e investir em seu próprio negócio não necessariamente será um mar de rosas. Obviamente, você terá privilégios e bônus, mas os negócios são bastante árduos, principalmente no começo. Tenha isso em mente, pois seu esforço deve ser originado do prazer, e não somente porque é sua obrigação”, diz Dave Ursillo, da consultoria Lead Without Followers, LLC.

  • Saiba que as únicas opções não são tudo ou nada

    “Nosso cérebro geralmente nos mostra apenas estas opções: tudo ou nada. Mas nem sempre é assim. Saiba que navegar pelas águas do empreendedorismo é conseguir seguir um dia por vez. Então, identifique seu cliente ideal, saiba bastante sobre o mercado em que estará inserido e estude os melhores meios de inserção, por exemplo. Dê o seu melhor e, mesmo que não se sinta 100% confiante, entregue-se por inteiro”, ensina Kim Eisenberg, da empresa Kim Eisenberg Consulting.

  • Tenha um plano

    “Se você sonha em se aventurar por sua conta e risco, primeiro precisa descobrir se faz sentido, financeiramente e emocionalmente, depositar seu tempo e esforço nesses projetos. Planeje-se! Seu empreendimento sempre demandará tempo e dedicação, afinal de contas, ela precisará ser seu sustento e constante fonte de renda”, aconselha Cha Tekeli, da consultoria Chalamode, Inc.

  • Esteja pronto

    “Muitas pessoas não percebem que há uma grande diferença entre ser um funcionário e ser o dono de seu negócio. Jogos emocionais e mentais são completamente diferentes. Depois de apostar nos seus sonhos, muita coisa depende interiamente de você. Sua confiança precisa estar pronta para encarar riscos, erros e acertos”, diz Amanda Aitken, da consultoria AmandaAitken.com.

  • Contrate um contador

    “Ter uma pessoa para o auxiliar a cuidar das despesas e receitas pode ajudar bastante no orçamento e planejamento da empresa. Encontre, então, alguém que já tenha trabalhado com empreendedores e que o ajude a descobrir os reais valores envolvidos no negócio”, diz Kelly Azevedo, da consultoria Got Systems.

  • Comprometa-se inteiramente

    “Para ser um empresário bem-sucedido, você precisa se comprometer e entregar tudo de si mesmo. Não siga em frente de forma ‘cega’. Pergunte-se sempre qual é o pior cenário que pode acontecer. E se ele ocorrer, como seria a recuperação? Você está emocionalmente, fisicamente, mentalmente e financeiramente preparado? Firme suas estruturas e vá em frente!”, aconselha Rey Castellanos, da consultoria Feed Your Wolf.

Administre sua vida pessoal

“Para enfrentar desafios, é preciso ter ciência do cenário em que você se encontra. Saber administrar é necessário. Se for preciso, peça ajuda a profissionais. Eles irão o ajudar, aconselhar e auxiliar nas diversas maneiras de enxergar as situações. Com eles, você poderá ir além, fazer, ver e ser mais”, ensina Jessica Miller-Merrell, do site Blogging4Jobs

Comentários
Topo