Carreira

5 conversas que você precisa ter com seu chefe

Não importa se você acabou de ser promovido ou contratado: ao encarar algo novo no trabalho pode ser difícil se ajustar e enxergar com clareza as circunstâncias. Enfrentar os desafios e conversar com seu chefe pode trazer tranquilidade para passar pelo período de adaptação, além de alinhar as expectativas.

LEIA TAMBÉM: 10 características mais comuns em chefes ruins

Michael Watkins, autor do bestseller “The First 90 Days: Proven Strategies for Getting Up to Speed Faster and Smarter” (ainda sem versão em português) e cofundador da Genesis Adviser, empresa especializada em liderança, listou as cinco conversas fundamentais para se ter com o chefe ao assumir um novo cargo. Veja, na galeria de fotos, quais são elas:

  • 1. Alinhe as expectativas

    É fundamental começar com uma conversa realmente inserida em um contexto, que esclareça se a sua visão das suas atribuições no cargo é a mesma do seu chefe. Entenda se você terá o papel de mudar alguma coisa, de sustentar uma estratégia de sucesso, de acelerar o crescimento, entre outras responsabilidades. Se você achar que fará uma destas coisas e ele pensar que você fará outra, vocês terão um problema.

  • 2. Entenda as exigências

    Certifique-se de que você tem clareza do que significa sucesso na visão do seu chefe. Pergunte sobre o cronograma você deve seguir e, caso seja importante, que tipos de abordagens e métodos você deve usar. Ser o mais claro possível sobre as exigências é a segunda grande conversa que você deve ter. Ela é, de certa forma, uma negociação para quando você chegar a níveis mais altos, onde não responde a demandas diretas, mas tem a responsabilidade de tocar negócios por sua conta.

  • 3. Conheça os seus recursos

    Pergunte quais recursos você terá disponíveis para fazer o que precisa ser feito. Isso pode ser em relação a pessoal e orçamento, mas também quanto tempo seu chefe poderá dedicar a você para o auxiliar no projeto.

  • 4. Peça orientação

    Já que você vai trabalhar com uma nova equipe, peça ajuda ao seu chefe para encontrar uma maneira de se comunicar e interagir que garanta que todos sejam eficientes ao atuarem juntos. Ao mesmo tempo, observe o estilo das pessoas. É importante perceber, por exemplo, se elas preferem se comunicar cara a cara, se gostam de mais ou menos detalhes e quais são as situações de urgência que permitem que você as chame no meio da noite. Ter clareza sobre esse lado das coisas pode ajudar a moldar as primeiras interações, pois diferenças no estilo de comunicação podem ser fonte de irritação se não houver cuidado. Não espere que o seu chefe e seus colegas de trabalho mais antigos mudem o estilo de comunicação para adequá-lo ao seu.

  • 5. Solicite feedback

    Esta é a única da lista que não acontece na hora da transição, mas sim quando você estiver perto de completar 90 dias na nova posição. Trata-se de uma conversa de desenvolvimento pessoal, para entender o que você está fazendo bem e o que precisa ser aprimorado. Receber estes feedbacks adiantados – e normalmente informais – pode evitar que sejam criados problemas muito maiores. Tomar a iniciativa de ter essa conversa garante que você tenha a oportunidade de fazer correções antes de estar com problemas reais.

1. Alinhe as expectativas

É fundamental começar com uma conversa realmente inserida em um contexto, que esclareça se a sua visão das suas atribuições no cargo é a mesma do seu chefe. Entenda se você terá o papel de mudar alguma coisa, de sustentar uma estratégia de sucesso, de acelerar o crescimento, entre outras responsabilidades. Se você achar que fará uma destas coisas e ele pensar que você fará outra, vocês terão um problema.

Comentários
Topo