Carreira

4 passos para quem planeja se afastar do trabalho para viajar pelo mundo

Quando a empreendedora Candace Sjogren, fundadora de uma empresa de consultoria em gestão, e seu marido se casaram, eles se dedicaram a planejar a lua de mel. Ambos estavam há muito tempo em seus cargos e sentiam-se estagnados. Decidiram, então, largar os empregos e reservar um tempo para descansar. Este período, que começou imediatamente após o casamento, incluiu uma viagem para 13 países que durou seis meses.

LEIA TAMBÉM: Forbes revela restaurantes, hotéis e spas de seu Guia de Viagem 2017

“Tomar a decisão de deixar nossos trabalhos e viajar por tanto tempo foi a melhor coisa que fizemos. Ela nos permitiu, inclusive, encontrar empregos incríveis na volta, com salários melhores”, afirma Candace. A viagem serviu para que o casal repensasse suas perspectivas e fez muita diferença em suas vidas.

Veja, na galeria de fotos, 4 passos para seguir sua própria aventura e, na volta, procurar o emprego certo para você:

  • 1. Estabeleça um orçamento e um plano de economia

    Largar um emprego sem ter outro é o tipo de coisa que só pode ser feita com muito planejamento. Primeiro, é preciso garantir que há dinheiro guardado suficiente para sobreviver e estabelecer um plano de economia para bancar a viagem.
    Comece cortando todos os gastos desnecessários no seu dia a dia – TV a cabo, Wi-Fi, refeições caras e atividades extracurriculares. Viva a sua “vida no exterior” enquanto ainda está em casa e veja o quanto pode reduzir suas contas mensais – guardando o dinheiro que economizar em uma conta reservada para a viagem.

    Além do aluguel (que você não terá enquanto viaja) e suas despesas com o carro (que você pode querer vender), seu orçamento mensal em casa deve simular o que você realmente acha que vai precisar enquanto viaja.

  • 2. Seja transparente com seu chefe

    Na era dos millennials, os empregadores estão pensando em formas criativas de manter seus funcionários engajados e as licenças estão se tornando mais populares. Se a sua ideia é largar o emprego e fechar essa porta, avise o seu chefe. Compartilhe com ele os detalhes do orçamento que você está desenvolvendo e seus motivos para querer perseguir esse sonho.

    Empregadores, normalmente, ficam gratos por serem informados antes de perder um funcionário e você pode construir uma proposta valiosa na sua saída. Ofereça-se para ajudar a encontrar e treinar seu substituto e para trabalhar por algumas horas na semana enquanto ainda estiver na cidade. Uma pequena renda constante pode ser útil para sua longa viagem. Isso também ajuda a deixar uma porta aberta caso você deseje voltar para a empresa quando a experiência terminar.

    Uma vez que você tiver o dinheiro e uma boa relação com seu chefe, você estará pronto para ir além.

  • 3. Estabeleça para si um prazo rigoroso para não pensar em trabalho

    Tire um tempo para redescobrir quem você é quando não está trabalhando. Reserve horas significativas para não pensar na sua carreira enquanto você estiver viajando e se agarre a esse limite. Estabeleça um prazo rígido para você voltar a pensar em trabalho novamente e se certifique de que ele seja de, pelo menos, um mês.

  • 4. Elabore sua lista dos sonhos para ajudá-lo a definir seu próximo destino de trabalho

    Durante o período em que não estiver pensando em trabalho, você pode se manter ocupado ao planejar outras coisas, como ideias, sonhos e ambições. Matthew Kelly, autor e coach, sugere criar uma lista de sonhos para si, que vai ajudá-lo a determinar o que é mais importante na sua vida.

    Divida esta lista em categorias: espiritual, família, profissional, financeiro, comunidade, caráter, físico, viagens, intelectual etc.. Em seguida, reserve um tempo para preencher cada uma delas de sonhos – com exceção da profissional, que deve ser deixada por último. Seu objetivo é conseguir 100 sonhos. Quando você terminar, vai perceber certos temas em outros aspectos da sua vida e isso guiará você para definir seus objetivos profissionais – que você pode preencher depois que seu prazo terminar.

    Candace afirma que, em sua lua de mel, ela e o marido completaram as listas dos sonhos, o que deixou claro que ele, por exemplo, queria mais autoridade e autonomia em seu próximo trabalho, enquanto ela preferia estar em uma posição na qual pudesse ensinar pessoas. “Quando finalmente começamos a procurar emprego de novo, no quarto mês, nós sabíamos exatamente o que desejávamos. E encontramos”, completa a empreendedora. “Deixar nossos trabalhos foi a melhor coisa que poderíamos ter feito. E eu acredito que qualquer um possa fazer o mesmo, desde que tenha o plano correto.”

1. Estabeleça um orçamento e um plano de economia

Largar um emprego sem ter outro é o tipo de coisa que só pode ser feita com muito planejamento. Primeiro, é preciso garantir que há dinheiro guardado suficiente para sobreviver e estabelecer um plano de economia para bancar a viagem.
Comece cortando todos os gastos desnecessários no seu dia a dia – TV a cabo, Wi-Fi, refeições caras e atividades extracurriculares. Viva a sua “vida no exterior” enquanto ainda está em casa e veja o quanto pode reduzir suas contas mensais – guardando o dinheiro que economizar em uma conta reservada para a viagem.

Além do aluguel (que você não terá enquanto viaja) e suas despesas com o carro (que você pode querer vender), seu orçamento mensal em casa deve simular o que você realmente acha que vai precisar enquanto viaja.

Comentários
Topo