Carreira

5 dicas para transformar sua paixão em uma carreira bem-sucedida

Patrick L. Riley é um nova-iorquino que ganha a vida como produtor independente e escritor. Até 2012, seu principal cliente foi o programa de TV de Oprah Winfrey. Riley foi o responsável pelos segmentos de entretenimento e histórias para “The Oprah Winfrey Show” desde 1998 até a atração acabar.

LEIA TAMBÉM: Descubra como reinventar sua carreira de dentro para fora

As pessoas podem se questionar como, em um mundo extremamente preconceituoso, um gay, afro-americano, de uma família religiosa de Atlanta, construiu uma carreira bem-sucedida como alguém inovador que continua a trabalhar na The Oprah Winfrey Network (OWN), canal de televisão norte-americano que leva o nome da apresentadora, e no talk show “The Wendy Williams Show”, entre outras colaborações.

Riley foi questionado sobre como conquistou uma carreira bem-sucedida, abastecida com suas paixões.

Veja, na galeria de fotos abaixo, 5 dicas de Riley para transformar sua paixão em uma trajetória de sucesso:

  • 1. Trabalhe arduamente

    Riley previu o sucesso de sua carreira quando se graduou no ensino médio, em 1988. Na ocasião, ele contou a repórteres locais em Savannah, Geórgia, que trabalharia para Oprah Winfrey no futuro. No encontro com sua turma do colegial, dez anos após sua formatura, Riley tinha alcançado o que desejava. Nesse meio tempo, trabalhou arduamente e seguiu os passos necessários para tornar seu sonho realidade. Riley estudou comunicação de massa e jornalismo no Morehouse College, em Atlanta, e, mais tarde, na Universidade Clark Atlanta. Os estudos de Riley foram seguidos por uma série de estágios. Ele fez todo o necessário para ser se destacar para a indústria do entretenimento.

    Riley lembra que muitas vezes seu trabalho ficou difícil e não parecia perfeito, mas que estava, constantemente, preparando-se para a próxima oportunidade. Mesmo hoje, ele continua a se preparar, promover-se e estudar para manter o sucesso.

    Riley diz acreditar que nada bom vem fácil e que qualquer paixão faz o trabalho duro valer a pena.

  • 2. Seja você mesmo

    Riley foi criado no Cinturão Bíblico, região dos Estados Unidos onde a religião protestante faz parte da cultura local, e sua família tinha um certo respeito pela tradicional forma heteronormativa.

    Sua família insistiu para que ele parasse de “dançar como uma garota e cantar com uma diva”. Riley aprendeu, com o tempo, a manter a paz em casa e a se expressar apenas na turma de teatro do colegial.

    Quando estava por conta própria em Nova York e trabalhando no programa da Oprah, sua família não discutiu seu comportamento. Em 2005, Riley foi presenteado com uma oportunidade da própria Oprah. Ele foi questionado para falar sobre sua história pessoal, em um programa chamado “When I Knew I Was Gay.”

    Até o episódio ser exibido, Riley era citado por amigos e pela família, que falavam sobre o orgulho que sentiam depois de verem seu nome no programa da Oprah. Ele era um exemplo de um garoto local fazendo sucesso. Depois que discutiu sobre sua vida e o fato de ser gay no programa, porém, Riley não teve mais notícias de sua família ou amigos por dias.

    Riley sabia que muito de seu sucesso dependia de ser quem ele era. Para ser o homem que desejava, ele sabia que não poderia viver sua vida baseado nas expectativas de outras pessoas.

  • 3. Não considere quem você é um castigo

    “Não é fácil ser gay, especialmente, para um negro”, afirma Riley. Ele aprendeu que, com o tempo e com pequenas doses de conversas, poderia superar os preconceitos de seus amigos e família. Para Riley, são as conversas complicadas e a persistência que o fizeram conquistar tantos progressos.

    Quando os tempos são difíceis, Riley aconselha que as pessoas tenham consciência de seus sucessos pessoais. Ele afirma que, às vezes, isso significa focar nas coisas menores e confiar que a consciência da sociedade está a seu favor.

    Ele reconhece que coisas não são perfeitas e que o progresso não acontece da noite pro dia. Mas diz estar convicto, no entanto, de que, se as pessoas LGBTs continuarem a ser as melhores versões de si, conquistarão a completa equidade e o sucesso.

  • 4. Utilize sua plataforma para o bem

    Riley afirma que, em cada estágio da sua carreira, tinha uma plataforma, seja pequena ou grande. Ele sempre a usou para o bem. É um pressuposto que aqueles com plataformas e meios financeiros, emocionais e físicos promovam o diálogo por meio de progresso e inclusão.

    “Quando você atingir qualquer nível de sucesso, devolva isso à sua comunidade”, afirma Riley. Seguindo esse raciocínio, ele conserva a maior quantidade de alianças que consegue entre Nova York e Nova Jersey. Ele diz acreditar que isso torna o sucesso da vida e da carreira de pessoas LGBTs mais viáveis e pede que outros sigam esse exemplo.

  • 5. Permaneça focado

    Mantenha seu foco, apesar de todas as distrações da vida. Mesmo quando parecer difícil, saiba que tudo irá melhorar.

    Riley aconselha as pessoas a avaliarem as situações e se posicionarem quando for certo para elas. É importante “pensar tendo o fim em mente”, e não deixar as emoções ou eventos atuais ditarem discussões importantes sobre sua vida e carreira.

    Riley afirma que sempre teve uma estratégia para ser bem-sucedido em cada aspecto de sua vida. Algumas vezes, isso significa que um aspecto, temporariamente, recebe uma atenção maior que o resto, e não existe problema algum nisso. Ser estrategista e pragmático são características importantes para uma carreira de sucesso.

1. Trabalhe arduamente

Riley previu o sucesso de sua carreira quando se graduou no ensino médio, em 1988. Na ocasião, ele contou a repórteres locais em Savannah, Geórgia, que trabalharia para Oprah Winfrey no futuro. No encontro com sua turma do colegial, dez anos após sua formatura, Riley tinha alcançado o que desejava. Nesse meio tempo, trabalhou arduamente e seguiu os passos necessários para tornar seu sonho realidade. Riley estudou comunicação de massa e jornalismo no Morehouse College, em Atlanta, e, mais tarde, na Universidade Clark Atlanta. Os estudos de Riley foram seguidos por uma série de estágios. Ele fez todo o necessário para ser se destacar para a indústria do entretenimento.

Riley lembra que muitas vezes seu trabalho ficou difícil e não parecia perfeito, mas que estava, constantemente, preparando-se para a próxima oportunidade. Mesmo hoje, ele continua a se preparar, promover-se e estudar para manter o sucesso.

Riley diz acreditar que nada bom vem fácil e que qualquer paixão faz o trabalho duro valer a pena.

Comentários
Topo