Carreira

8 práticas para acabar com a insegurança

Sucesso, felicidade e realização são coisas que estão diretamente relacionadas ao modo como pensamos. Não é possível viver com insegurança e ter uma experiência de vida positiva ou bem-sucedida. Todos nós estamos cercados de ótimas pessoas e situações, mas, quando temos uma mentalidade negativa, egoísta ou paranoica, perdemos todas as coisas boas que estão em nossas mãos.

LEIA TAMBÉM: 9 benefícios do mindfulness que ajudam a reduzir o estresse

Nossa mentalidade em relação à vida acaba se tornando o reflexo exato das experiências que vivemos. A boa notícia é que não é difícil mudar esses pensamentos que geram insegurança. É necessário apenas uma coisa: disciplina mental. As ações seguem os pensamentos, então, uma vez que nossas crenças mudam, toda a forma como vivemos muda também.

Veja, na galeria de fotos, 8 práticas de disciplina mental para acabar com a insegurança:

  • 1) Preste atenção na linguagem

    A insegurança corresponde à linguagem das mentiras. Quanto mais inseguros somos, mais mentiras contamos a nós mesmos. Para superá-la, é preciso aprender a falar sobre a vida de uma maneira positiva, prestando atenção no que está indo bem. Se há coisas boas acontecendo, é porque nós as cultivamos. Em vez de falar a linguagem do medo e do fracasso, é preciso falar a linguagem da possibilidade em qualquer acordo, novo cliente, relacionamento e contato que tivermos.

    Quanto mais falarmos a linguagem da positividade, menos dúvidas e mais sucessos experimentaremos. Quando falamos positivamente sobre as nossas vidas, nossa atmosfera muda. As pessoas querem trabalhar com pessoas positivas.

  • 2) Promova uma competição com os seus pensamentos

    Podemos acreditar em nossa insegurança ou podemos competir com ela. Nossa mente pode dizer “você não consegue fazer isso” ou “isso nunca dará certo, é muito grande”. Mas como podemos saber se é verdade se não tomarmos as atitudes necessárias para colocar determinadas iniciativas em prática? Todos nós nos sentimos inseguros – é parte da experiência humana. Em vez de permitir que estes pensamentos governem nossas vidas, devemos nos opor a eles e testar seus limites, competir com eles e descobrir quem ou o que vence.

    Todo mundo tem momentos em que quer desistir. Porém, por que desistir? Nós temos uma grande vantagem no que diz respeito a nosso pensamento derrotista. Sempre que quisermos, podemos tomar atitudes para provar que nossa insegurança está errada. Os pensamentos nem sempre estão sob nosso comando, mas tomar atitudes está.

  • 3) Enxergue sempre o lado positivo

    Nada vai calar mais a insegurança do que enxergar o lado positivo de todas as coisas. Quando nos sentimos inseguros, só vemos e sentimos o estresse. A maioria de nós fica tão focado nos problemas que ignora as coisas boas que estão bem à frente. É importante enxergar o lado positivo dos desafios. O tipo de crescimento que conquistamos com as dificuldades, desafios e obstáculos é exatamente aquele que precisamos para ter mais sucesso.

    Não devemos amaldiçoar nossas dúvidas e desafios, devemos enxergá-los como oportunidades.

  • 4) Mude o foco

    Quando nos sentimos pressionados, nossas dúvidas ganham mais peso. Nessa situação, devemos mudar nosso foco de “ganhar”, “fechar o acordo”, “atingir a meta” ou “agradar ao supervisor” para “nos preocupar mais com os clientes”, “ajudar o chefe” e “auxiliar os colegas”. Mudar o foco de “ganhar” para “servir”. Quando nos focamos mais no outro do que em nós mesmos a pressão diminui.

    Servir vem da compaixão, da esperança e da ajuda. Quando trabalhamos com essa mentalidade, acordos são fechados com mais facilidade, já que as pessoas a quem estamos servindo sentem que nós não estamos lá para “vender”, mas para ajudá-los a atingir um objetivo maior. Outros preferem sentir que estamos nos conectando com a intenção de criar um relacionamento genuíno, duradouro e mutuamente benéfico.

  • 5) Avance sempre

    Devemos viver nossas vidas como se já tivéssemos o que queremos. Se a insegurança nos atormentar, devemos adotar o pensamento positivo e abundante como nosso modo de vida padrão. Nossa mente não sabe a diferença, ela apenas faz o que dizemos a ela para fazer. Se não prestarmos atenção em nossa mente, ela se torna negativa em um instante.

    Avance acreditando quem você é e o que você quer. Assuma o controle e diga a sua mente no que você quer que ela acredite. Viva como se você já tivesse o que você deseja. Essa mudança de atitude cria mudanças positivas instantâneas em nossas vidas, tanto financeira quanto emocionalmente.

  • 6) Observe, perceba e mude

    Pensamentos negativos são criados rapidamente, um após o outro, se não estivermos atentos. Se perdermos o controle dos nossos pensamentos, precisaremos nos lembrar da realidade da nossa situação e admitir que estamos simplesmente presos em um ciclo negativo.

    Quando percebemos que os pensamentos estão indo em direção à negatividade, precisamos assumir o controle. Quando encontramos o padrão negativo, precisamos procurar a verdade e mudar o nosso padrão de pensamento, por meio da reformulação de tudo o que estamos pensando para a positividade, oportunidade e possibilidade. O uso rápido desta técnica é, normalmente, suficiente para colocar-nos em uma direção mais produtiva.

  • 7) Treine para levantar

    Nós não podemos viver uma vida rica se tivermos pensamentos pobres. Nosso sucesso é um reflexo direto das nossas crenças. Isso não significa que não nos sentiremos tristes, magoados ou amedrontados. Temos que sentir o que for necessário, e talvez afundar um pouco se não pudermos controlar, mas, em seguida, precisamos fazer a escolha de levantar e tomar uma atitude.

    Se seguirmos pensamentos positivos, treinarmos para levantar e acreditarmos ainda mais profundamente no que somos e no que queremos, não falharemos. O único jeito de falhar é desistir.

  • 8) Inverta o ciclo

    Nesta fórmula, nós trabalhamos de fora para dentro, em vez de de dentro para fora. Para inverter o pensamento negativo e a insegurança, precisamos fazer o exato oposto do que estamos pensando. Se nos sentirmos negativos, precisamos começar a pensar positivamente . Se nos sentirmos perto de desistir, precisamos tomar uma atitude que nos moverá para frente. Se sentirmos que algo pode ser o fim, precisamos começar a buscar novas oportunidades.

    Quando nós fazemos o oposto e temos sucesso, as nossas ações têm o poder de mudar nossas crenças.

1) Preste atenção na linguagem

A insegurança corresponde à linguagem das mentiras. Quanto mais inseguros somos, mais mentiras contamos a nós mesmos. Para superá-la, é preciso aprender a falar sobre a vida de uma maneira positiva, prestando atenção no que está indo bem. Se há coisas boas acontecendo, é porque nós as cultivamos. Em vez de falar a linguagem do medo e do fracasso, é preciso falar a linguagem da possibilidade em qualquer acordo, novo cliente, relacionamento e contato que tivermos.

Quanto mais falarmos a linguagem da positividade, menos dúvidas e mais sucessos experimentaremos. Quando falamos positivamente sobre as nossas vidas, nossa atmosfera muda. As pessoas querem trabalhar com pessoas positivas.

Comentários
Topo