Carreira

Saiba por que sua busca por emprego não está funcionando

A tecnologia comanda, cada vez mais, nossas vidas. Seja para compras, entretenimento ou planejamento de férias, todos nós a utilizamos para guiar atividades e decisões diárias. Logo, é importante perceber que o modo como buscamos emprego também não poderia ser diferente.

LEIA TAMBÉM: 10 coisas que seu currículo deve dizer nos primeiros dez segundos de leitura

Do envio do currículo à entrevista, a tecnologia tem um grande papel para ajudar a definir se você é um candidato em potencial, com chances de ser contratado para o emprego dos sonhos. Então, antes de se aprofundar na sua busca por uma colocação, certifique-se de que você não está ignorando esses elementos cruciais.

Veja 3 elementos essenciais para ajudar na sua busca por emprego:

  • ATS

    Um ATS (Applicant Tracking System ou Sistema de Rastreamento de Candidatos) tem um papel importante para decidir se o seu currículo o classificará para uma entrevista quando você se candidata para oportunidades por meio de plataformas online de emprego.

    Quando você se candidata a um cargo que uma empresa postou, um humano não é, normalmente, o primeiro a revisar seu currículo. Isso é feito por um programa de computador. Ao separar o seu currículo por palavras-chave, terminologias e frases que o recrutador busca, o software é capaz de dispensar os documentos cujo conteúdo não é capaz de entender. Basicamente, seu currículo não terá a menor chance de chegar à próxima fase se não estiver otimizado para o ATS.

    Para garantir que o seu currículo passe pelo ATS, formate-o corretamente para sistemas desse tipo, foque nas oportunidades e procure por erros ortográficos. Se não fizer isso, estará perdendo seu tempo se candidatando de forma online.

  • Preparação para entrevistas

    Existia uma época em que tudo o que você precisava para uma boa entrevista era um sorriso charmoso, um ótimo repertório e um entendimento básico sobre a empresa para a qual estava se candidatando. As pessoas responsáveis pela contratação não esperavam que você soubesse a cultura e a missão da organização e o desempenho dela no mercado. Mas os tempos mudaram.

    Para ser um candidato forte é essencial que você pesquise sobre a empresa, o cargo e as pessoas com as quais quer trabalhar. Simplesmente ler as biografias de alguns executivos do site da empresa não será o suficiente.

    Em vez disso, pesquise também os perfis nas mídias sociais e a atividade no LinkedIn. Descubra os valores da empresa, o que antigos e atuais funcionários falaram sobre ela e como está posicionada no mercado de uma perspectiva competitiva.

  • Entrevistas por vídeo

    Seja por meio do Skype, do FaceTime ou de videoconferências, entrevistas por vídeos viraram moda e você precisa estar pronto para isso. Ligar para os seus pais por um dispositivo como esse para saber de algo banal é fácil, mas uma boa entrevista não é assim tão simples.

    Por não estar sentado ao lado da pessoa com a qual está conversando, é fácil parecer afastado e distraído. Para evitar isso, certifique-se de que você não está olhando para sua própria imagem no computador e que está constantemente fazendo contato visual com o seu entrevistador.

    Também é importante fazer a entrevista por vídeo em um lugar silencioso, com um ótimo Wi-Fi e sem distrações visuais. Seja seu cachorro brincando atrás de você ou um barista do Starbucks colocando mais creme no café, o barulho e o movimento ao fundo vão distrair as pessoas em vez de focar em você.

    Apesar de muitas tendências serem passageiras e o mercado de trabalho não permanecer estático, é indispensável garantir que você não esteja preso na década passada. Reserve um tempo para fazer uma busca de trabalho efetiva, utilize os recursos e a tecnologia necessários para tornar sua pesquisa mais fácil e não tenha medo de tentar algo novo. As empresas estão procurando por agentes de mudança e a maneira como vende a si mesmo durante sua busca por uma nova oportunidade será notada.

ATS

Um ATS (Applicant Tracking System ou Sistema de Rastreamento de Candidatos) tem um papel importante para decidir se o seu currículo o classificará para uma entrevista quando você se candidata para oportunidades por meio de plataformas online de emprego.

Quando você se candidata a um cargo que uma empresa postou, um humano não é, normalmente, o primeiro a revisar seu currículo. Isso é feito por um programa de computador. Ao separar o seu currículo por palavras-chave, terminologias e frases que o recrutador busca, o software é capaz de dispensar os documentos cujo conteúdo não é capaz de entender. Basicamente, seu currículo não terá a menor chance de chegar à próxima fase se não estiver otimizado para o ATS.

Para garantir que o seu currículo passe pelo ATS, formate-o corretamente para sistemas desse tipo, foque nas oportunidades e procure por erros ortográficos. Se não fizer isso, estará perdendo seu tempo se candidatando de forma online.

Comentários
Topo