‘Trabalho remoto’ foi o quarto termo mais procurado em busca de emprego no ano passado

 

No ano passado, ‘trabalho remoto” foi o quarto termo mais pesquisado nas buscas por emprego. Uma opção para quem está à procura de algo semelhante é candidatar-se ao cargo de assistente virtual, considerado um pioneiro no que diz respeito ao trabalho remoto e que permanece em alta.

LEIA MAIS: 12 dicas para ser mais produtivo ao trabalhar de casa

A posição abrange uma ampla variedade de segmentos, de atendimento ao cliente e contabilidade a turismo e marketing. De acordo com a PayScale, desenvolvedora de software de gerenciamento de recursos humanos, os assistentes virtuais ganham nos Estados Unidos, em média, US$ 15,57 por hora.

Veja, a seguir, 10 empresas que estão contratando assistentes virtuais:

 

BELAY
Cargos: Assistente executivo virtual e assistente virtual

Profit Factory
Cargos: Coordenador de assistentes virtuais; assistente virtual – WordPress Wizard; assistente virtual para comércio eletrônico

Worldwide101
Cargos: Assistente executivo virtual bilíngue; assistente executivo virtual  paralegal; assistente executivo virtual

Coalition Technologies
Cargos: Assistente virtual do Office; assistente administrativo virtual

Equivity
Cargo:  Secretária jurídica virtual

World Travel Holdings
Cargo: Assistente executivo virtual

Gabbyville
Cargo: Recepcionista virtual para representante de atendimento ao cliente

FlexProfessionals
Cargo: Assistente executivo virtual

Delegate Solutions
Cargo: Assistente executivo virtual de suporte administrativo; assistente administrativo virtual para área de suporte aos clientes

Unum
Cargos: Especialista virtual em atendimento ao cliente ; especialista virtual bilíngue em atendimento remoto

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).