Colunas

Iate ou avião? Boeing 747-8 tem sala de jantar, lounge e quarto para hóspedes

Ao olhar para as fotos a seguir, você pode pensar que se trata de um mega-iate. Mas, o design luxuoso é o interior de um jato privativo desenvolvido pela empresa americana Greenpoint Technologies.

O Boeing 747, avaliado em US$ 368 milhões (cerca de R$ 1bilhão), é o jato mais longo do mundo. Capaz de transportar 450 passageiros em uma cabine de seis metros de largura e 60 metros de comprimento. Segundo o portal Luxury Launches, há rumores de que a próxima versão do Air Force One, que transporta o presidente norte-americano, Barack Obama, será baseada nesse modelo.

A Greenpoint Technologies levou três anos para finalizar a reforma. A estimativa é de que o proprietário, que não teve seu nome divulgado, tenha gasto mais de US$ 250 milhões (cerca de R$ 715 milhões) pela customização VIP.

Nas fotos do projeto divulgadas pela empresa, é possível ter uma ideia de como é o interior do jato. Com sala de jantar, duas áreas reservadas para lounge, uma suíte master, um quarto de hóspedes e até um escritório. Viajar dentro de um modelo como esse deve ser, no mínimo, bem confortável, não?

Comentários
Topo