Colunas

Dicionário de Inglês Oxford acrescenta “photobombing” e muda significado de “twerk”

Dicionário -  iStock

Nós sabíamos que o “twerking” existia muito antes de Miley Cyrus fazer sua apresentação polêmica nos prêmios da MTV em 2013, mas uma nova pesquisa do dicionário de Inglês Oxford, divulgada nesta quinta-feira (25), afirma que o uso da palavra vem desde os anos 1800.

O dicionário, que descreve a si mesmo como o categorizador definitivo da língua inglesa, revisou a definição do termo twerk e acrescentou 500 novas palavras curiosas.

VEJA TAMBÉM: Conteúdo da Wikipedia impresso está à venda por US$ 500 mil

Agora, o twerking é descrito como “dançar de uma maneira sexualmente provocante, com movimentos das pernas e dos quadris, enquanto está em uma posição de agachamento”. Antes, o dicionário descrevia o significado do termo como uma torcida ou movimento de sacudir ou de contrair.

Em um post em seu blog, a empresa responsável pelo dicionário afirma que seus pesquisadores descobriram referências para a palavra, usada como um substantivo, em 1820. Originalmente, soletrava-se “twirk”. O termo tornou-se um verbo décadas depois, em 1901, e a grafia mudou para “twerk”.

RANKING: 11 mulheres mais poderosas do entretenimento 

O Dicionário de Inglês Oxford tem critérios de admissão mais rígidos do que outros dicionários Oxford. Novas entradas devem estar em uso em narrativas de notícia e ficcionais por, pelo menos, dez anos.

Outra palavra que entrou para o dicionário foi “photobombing”, que significa “a ação ou ocasião de estragar uma fotografia ao aparecer inesperadamente no campo de visão da câmera enquanto a foto é tirada, tipicamente como uma brincadeira ou piada”. O dicionário também reconheceu o termo “e-cigarette” para designar os cigarro eletrônicos.

Comentários
Topo