Colunas

Você conhece o projeto Was?

Há oito anos, o empresário italiano Elio Franci criou uma empresa inovadora para produção de vinhos sem sulfitos adicionados. Ele dá ao projeto então, o nome de WAS (without added sulfites), que significa “sem sulfitos adicionados”.

Uma ideia visionária: redescobrir o prazer de apreciar as verdadeiras qualidades de um vinho que, sem a forte interferência olfativa-gustativa do enxofre, mantém inalterada as características organolépticas e aromas frutados das uvas “di partenza”.

E, em colaboração com a Universidade de Florença e de um trabalho junto a um grupo de enólogos de vanguarda, ele chegou a um importante objetivo para o futuro da produção enológica: vinho sem sulfito adicionado que representa níveis naturais de sulfito muito menor de 10 mg/lt.

vino-rosso-bicchiere-fotolia-roberta-zanlucchi-fotolia-750x500

Vinhos mais autênticos, puros, agradáveis, estáveis, mais expressivos no “terroir”, que permitem reconhecer os esforços feitos dos produtos por respeitarem as características históricas tradicionais do território original.

O método adotado a partir de 2007 utiliza um extrato de semente de uva e proteína vegetal que adicionados ao vinho no lugar do dióxido de enxofre, não só permite haver vinhos microbiologicamente sanos, mas também estáveis em respeito a oxidação e sobretudo, sem a devastadora interferência dos sulfitos.

Com a contribuição fundamental de um grupo de enólogos e biotecnólogos, têm sido desenvolvida uma série de disciplinas, que permitem adotar este método para a produção de vinhos sem a adição do enxofre, seja nos vinhos tranquilos (branco e tinto), como espumante (ambos os métodos), como no vinho doce.

Os vinhos com a marcas WAS© tem um impacto benéfico na saúde. Estes vinhos, de fato, possuem uma qualidade de polifenóis superior a 50% em respeito aos vinhos tradicionais. Anulam o efeito de dor de cabeça causado  devido a presença de sulfitos nos vinhos e são mais digestíveis.

Além disso, os vinhos com a marca WAS© restabelecem o poder alergênico derivados da presença de sulfitos no vinho. O projeto WAS é um sucesso demonstrado das numerosas adegas do território italiano que estão aderindo linhas de produção WAS em seus vinhos mais característicos.

 

Juscelino Pereira

 

Comentários
Topo