Colunas

Lardo d’Arnad: uma das mais exclusivas iguarias

lardo-2

Na pequena localidade de Arnad, no sudoeste do Valle D’Aosta, na Itália, é produzida uma das mais exclusivas iguarias da gastronomia italiana: o lardo d’Arnad, espécie de toucinho que só não tem o mesmo prestígio do similar de Colonnata, na Toscana, em razão da sua limitada produção.

Quem já provou sabe que também se trata de algo especial. Reconhecido pelo selo DOP, é elaborado com a gordura retirada das costas do suíno abatido no máximo 48 horas antes. Temperada com especiarias, a gordura fica imersa em água, sal e vinho branco em recipientes de madeira nobre de três meses ou mais.

Outro detalhe importante: os porcos podem ser provenientes de outras regiões do norte da Itália, mas devem ser alimentados apenas com ervas e castanhas.

O resultado é um lardo de cor rosada, apreciado puro e cortado em fatias finas, para condimentar massas ou, como preferem os valdostanos, sobre um pedaço de pane di segale (pão de centeio).

 

Lardo-d'arnad

Comentários
Topo