Colunas

Avaliada em US$ 300 milhões, maior safira azul do mundo é encontrada

Safira

A maior safira do mundo foi recentemente encontrada em uma mina do Sri Lanka, na cidade de Ratnapura, com espantosos 1.404 quilates. O proprietário, que permanece anônimo, comprou-a por mais de US$ 300 milhões.

LEIA MAIS: Joias de Elvis Presley serão leiloadas ainda nesta semana

A descoberta não poderia ter vindo em melhor hora, já que a demanda e procura pela pedra já é maior do que pelo diamante para os anéis de noivado. Isso se deu pelo anel de noivado de Kate Middleton, originalmente dado à princesa Diana. Apenas as fotos da joia de safira, foram suficientes para reacender a busca.

Safiras azuis parecem opacas em circunstâncias normais, no entanto, quando estão sob a luz, podem parecer verdadeiras estrelas. Entendendo isso, o dono da maior pedra a deu o nome de Adam, baseando-se em uma crença muçulmana de que Adão foi ao Sri Lanka logo que foi embora do jardim do Éden.

E MAIS: Alibaba, a maior varejista on-line do mundo, cresce vendendo falsificações

O Sri Lanka é o berço de muitas pedras preciosas: 90% da região está localizada sobre formações pré-cambrianas com mais de 2 bilhões de anos de existência. Apesar da presença, as pedras como safira azul ainda assim são bastante raras, o que faz acreditar que está peça, em especial, por seu tamanho, acabará em uma coleção de joias, ou museu.

Comentários
Topo