Colunas

Facebook ativa o botão “estou a salvo” após atentados em Bruxelas

FB_safety_check

Hoje (22), mais uma vez, o Facebook foi transformado em recurso de verificação de segurança. Os usuários agora podem marcar estarem “a salvo” dos desastres humanos. Isso aconteceu por conta da série de explosões no aeroporto e em uma estação de metrô de Bruxelas, capital da Bélgica, que deixou, pelo menos 34 mortos e muitos feridos.

A ferramenta foi originalmente criada a partir do desastroso ataque terrorista de Paris, em novembro de 2015. Depois disso, também foi usada durante as tragédias na Nigéria e na Turquia.

LEIA MAIS: Empresa desenvolve imagem do zika vírus em escala de átomos

O recurso permite verificar quais seus amigos do Facebook estão próximos, ou em Bruxelas. Depois disso, é possível ver se eles estão seguros ou, então, marcar o status deles, caso você já tenha conseguido contato com eles.

O CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, prometeu ativar esta ferramenta da rede social sempre que “desastres humanos ocorrerem”. Bruxelas, com certeza, foi vítima de um deles.

Comentários
Topo