Colunas

Tecnologia permite tatuar QR Code para ouvir música preferida

Tatuagem de QR Code, que pode ser lido por smartphones  (Divulgação)

Tatuagem de QR Code, que pode ser lido por smartphones (Divulgação)

Numa época não muito distante, bandas lançavam músicas utilizando suportes físicos como CDs, discos de vinil ou fitas cassete. Atualmente, o domínio das mídias digitais é claro, especialmente em relação às plataformas de streaming, como o Spotify e a Deezer. Mas a banda New Age Travellers está usando uma forma diferente de divulgar o seu som: QR Code e tatuagem.

LEIA MAIS: O formato digital está prestes a dominar a música

A ideia partiu da Paim Comunicação, de Porto Alegre. A música é transformada num QR Code (espécie de substituto do código de barras), que se transforma em tatuagem, mantendo a funcionalidade de ser lido por smartphones. “Antes de ser feita a tatuagem, fizemos vários testes de aplicabilidade, se o QR Code seria funcional ou não, cor, contraste, distorção etc. Da concepção, preparação, execução e produção até a ação foram em torno de três meses”, explica Márcio Blank, gerente de redação da Paim. “A ideia partiu da agência para o estúdio Gorila, onde a banda costuma ensaiar antes dos shows. E numa dessas vezes, eles nos perguntaram o que a gente achava da ideia e se a gente toparia participar”, completa Rafael de La Rocha, vocalista da New Age Travellers e “cobaia” da nova tatuagem.

O que nasceu apenas como uma ação pontual, acabou virando um negócio. “Outros músicos já ligaram para o estúdio interessados em tatuar suas músicas. O legal é que o destino do QR Code pode ser alterado. Ou seja, quem ler o código pode ser direcionado para novas músicas, videoclipes ou até toda a discografia da banda”, completa Márcio.

RANKING: 31 maiores bilionários brasileiros

O gerente destaca também a dificuldade da realização dessa ação: “O tatuador Heráclito Mizerski foi muito importante. Segundo ele mesmo, foi uma das tatuagens mais difíceis que ele fez”. Rafael, que já tem algumas tatuagens, disse que estava com vontade de fazer mais uma e aproveitou a deixa: “O QR Code, de certa forma, é a evolução do código de barras, que é uma tatuagem que eu já quis muito fazer. Então não foi difícil decidir participar”.

Veja o vídeo com a execução da tatuagem:

Já que você ainda não tem a tatuagem e ainda não esbarrou com o vocalista por aí para ler o QR Code na sua pele, ouça uma prévia do novo EP da New Age Travellers aqui:

Comentários
Topo