Colunas

Empresa lança iPhones 7 cravejados com diamantes negros

Reprodução

Reprodução

Para as pessoas que acham que os celulares são objetos muito simples, existem empresas que customizam os smartphones banhando-os em ouro ou incrustando diamantes neles (ou fazendo as duas coisas). Uma delas é a suíça Gresso.

LEIA MAIS: Fotógrafo profissional testa nova câmera do iPhone 7 e 7 Plus

A última criação da companhia foi a coleção iPhone 7 Black Diamond, em que os celulares custam US$ 500 mil. O corpo do smartphone da Apple foi refeito em titânio de alta qualidade, enquanto a parte de trás foi decorada com 1450 diamantes negros, totalizando 102 quilates. O toque especial se dá pelo logo e pela moldura da câmera, feitos de ouro 18 quilates. Por fim, os celulares vêm com os mais novos Airpods cravejados de diamantes negros (30 no total).

LEIA MAIS: 12 funcionalidades escondidas no novo iOS 10

Para os clientes que não podem pagar meio milhão de dólares por um celular, a companhia tem uma versão econômica: uma capa protetora para o celular, feita de titânio e ouro, que custa US$ 2.500.

Comentários
Topo