Colunas

China constrói réplica em tamanho natural do Titanic

Réplica chinesa do Titanic

China inicia obras de réplica do Titanic, que contará com ambientes idênticos ao original (Reprodução/CNN)

A China está construindo uma réplica em tamanho natural do famoso Titanic, segundo o site da rede de TV norte-americana “CNN”. O projeto custará aproximadamente US$ 145 milhões.

A construção está sendo realizada em um condado sem litoral, que fica a 1.200 quilômetros do mar. Ao seu término, a réplica ficará permanentemente ancorada em um reservatório no Rio Qijiang.

RANKING: 70 maiores bilionários do Brasil em 2016

A réplica do navio terá 269 metros de comprimento e 28 metros de largura. A nova construção também terá recursos e ambientes que reproduzem exatamente o Titanic original, incluindo um salão de baile, um teatro, uma piscina e muitos quartos, de acordo com a agência de notícias estatal chinesa “Xinhua”.

A réplica está sendo construída como parte de um plano de desenvolvimento de turismo financiada pelo governo de Daying, na província chinesa de Sichuan.

VEJA TAMBÉM: Bolacha cracker que resistiu ao naufrágio do Titanic é vendida por US$ 23 mil

De acordo com o jornal chinês “China Daily”, o projeto foi idealizado há dois anos, mas só começou a ser construído nesta semana. “Depois que o Titanic afundou, ninguém viu seu conjunto completo de planos”, afirmou Su Shaojun, um dos financiadores do projeto ao jornal.

“Muitos fragmentos da planta original foram parar nas mãos de colecionadores ou permaneceram desaparecidos. Nós gastamos muitos anos coletando esses fragmentos de muitas partes do mundo e conseguimos obter a maioria delas”, afirmou o investidor.

VEJA TAMBÉM: “Mansão” para gatos imita o Titanic e custa US$ 2.000

O Sichuan Titanic não é a única tentativa recente de recriar o navio histórico. O magnata australiano Clive Palmer pretendia lançar uma réplica natural do navio, o Titanic II, ainda em 2016, mas o projeto teve que ser adiado por pelo menos dois anos. Entretanto, a mídia australiana afirmou que a construtora parou definitivamente com os trabalhos para a construção da réplica do navio.

Comentários
Topo