Colunas

Coleção de música da princesa Diana estará em exposição no Palácio de Buckingham

Getty Images

A abertura do evento com pertences da falecida Diana será no sábado (22) (Getty Images)

Pertences raramente vistos da falecida princesa Diana, incluindo sua coleção de música e sapatilhas de balé, serão exibidos durante o verão britânico no Palácio de Buckingham, em Londres, para marcar o 20º aniversário de sua morte.

LEIA MAIS: William e Harry participam de cerimônia no dia em que Diana faria 56 anos

Muitos dos objetos selecionados para exibição foram escolhidos pelos filhos de Diana, os príncipes William e Harry, “para refletir o compromisso de sua mãe com o seu dever e as memórias pessoais que eles têm dela”, disse a Royal Collection Trust, responsável pelo Palácio, nesta sexta-feira (21).

Diana, a primeira esposa do herdeiro do trono britânico, o príncipe Charles, morreu em um acidente de carro em Paris em agosto de 1997 e uma série de eventos comemorativos foram planejados para marcar a data.

William e Harry participaram de uma cerimônia privada no início deste mês, no dia em que Diana faria 56 anos, e os irmãos também encomendaram uma estátua para ser erguida em sua homenagem diante de sua residência oficial em Londres.

Entre os pertences incluídos na exposição estão um porta-retrato em couro com fotos da família e de amigos, uma pasta vinho de couro e uma caixa onde ela costumava guardar doces e outros agrados enquanto estudava em um internato, com a inscrição de seu nome “D. Spencer”.

VEJA TAMBÉM: Príncipe Harry diz que ninguém da família real britânica quer ser rei ou rainha

A exposição comemorativa também inclui uma caixa de fitas cassete, com álbuns de artistas como George Michael, Diana Ross e Elton John, que cantou em seu funeral.

A abertura do evento será no sábado (22), e os visitantes do palácio também poderão ver uma coleção de mais de 200 presentes recebidos pela rainha Elizabeth em seus 65 anos de reinado, incluindo um peso para papéis feito de um osso de dinossauro e um emblema usado no espaço pelo astronauta britânico Major Tim Peake.

Comentários
Topo