Colunas

Prepare-se para o verão

iStock

Desfrute o melhor da estação de bem com o seu corpo (iStock)

Vem chegando o verão… a estação mais festejada do ano se aproxima e, junto com ela, aquela preocupação com o famoso, e muitas vezes temido, “teste da areia”.

LEIA MAIS: Como proteger a pele dos efeitos da luz de escritório

Pensando no conceito wellness dermatology, com ênfase na saúde e no bem-estar aliado ao conceito individual de beleza, oferecemos algumas ferramentas nos consultórios dermatológicos para que o paciente se sinta melhor com seu corpo.

É preciso entender que os tratamentos são personalizados, diferentes para cada paciente, sendo necessária uma avaliação médica prévia. Existe hoje uma campanha de valorização do dermatologista especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia, para maior esclarecimento da população sobre esses procedimentos e suas possíveis complicações – muitas vezes, o que parece ser um procedimento simples e sem riscos, se não realizado por um profissional habilitado e muito bem treinado, pode causar danos à saúde, queimaduras e até necrose da pele.

Diante de tantas opções de equipamentos e tratamentos, cabe ao dermatologista avaliar cuidadosamente o paciente e prescrever o melhor programa para cada caso

Homens e mulheres com queixas de flacidez e gordura localizada, que na maioria dos casos aparecem associadas, devem ser tratados com antecedência, porque, em geral, demandam um tempo maior de tratamento, com sessões e intervalos variados entre elas (de uma semana a um mês). Dependendo da tecnologia proposta, obtemos resultados muito satisfatórios com um número de sessões bem menor em comparação com alguns anos atrás.

São vários os protocolos de tratamentos não invasivos disponíveis hoje em consultório para combater essas queixas, sem tirar o paciente da sua rotina. Somos entusiastas da associação de tecnologias e de programas individualizados, visando aos melhores e mais duradouros resultados.

O tratamento de gordura localizada e celulite deve estar associado a hábitos saudáveis, como boa alimentação, exercícios físicos regulares (que não precisam ser intensos) e o tratamento em consultório médico, que será adequado para cada paciente. Para isso existem tecnologias como o Ultraformer, um ultrassom micro e macrofocado que promove a diminuição da gordura e a melhora da flacidez da pele. Os resultados para culote, “bananinha” (acúmulo de gordura logo abaixo dos glúteos) e abdome são muito bons após três sessões. O tratamento possui ponteiras específicas para serem usadas na face e no pescoço, promovendo um rejuvenescimento significativo e natural – inclusive melhorando a papada, outra queixa frequente entre os pacientes.

Para o tratamento corporal, ele pode e deve ser associado a outras tecnologias – como o V contour, aparelho de radiofrequência também indicado para celulite e flacidez corporal.

O Coolsculpting, para redução da gordura localizada, age por meio da técnica do resfriamento intenso e pode ser feito em várias áreas do corpo, como abdome, flancos, joelhos, braços e coxas. Recentemente chegaram ao Brasil novas ponteiras, como o Coolsmooth, sem sucção, com tempo reduzido de tratamento, utilizado também no culote.

VEJA TAMBÉM: 10 dicas para cuidar da pele durante o inverno

O Velashape III é outra tecnologia de combate à celulite, agora relançado com mais potência. É capaz de tratar, simultaneamente, celulite, gordura e flacidez. Age por meio da associação de quatro técnicas: radiofrequência, infravermelho, vácuo pulsado e massagem mecânica.

O ácido polilático tem sido utilizado com muita segurança na flacidez corporal, com resultados consistentes. É indicado principalmente para a flacidez de joelhos, parte interna da coxa, cotovelos e braços.

Diante de tantas opções de equipamentos e tratamentos, cabe ao dermatologista avaliar cuidadosamente o paciente e prescrever o melhor programa para cada caso. Procure um especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia e desfrute o melhor da estação de bem com o seu corpo.

*Dra. Letícia Nanci é médica do Hospital Sírio-Libanês; médica-responsável pela Clínica Dermatológica Letícia Nanci; membro-efetivo da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD); da American Academy of Dermatology (AAD) e da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD)

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).

Comentários
Topo