Michelle Obama compartilha fotos pessoais no Instagram

Getty Images
A ex-primeira dama decidiu compartilhar a sua fascinante trajetória em uma autobiografia, e usou sua conta no Instagram para divulgar imagens pessoais, com homenagens a seus pais e ao marido

Michelle Obama foi considerada a 13ª mulher mais poderosa do mundo pela FORBES, em 2016. Aos 54 anos, a ex-primeira dama – primeira afro-descendente a ocupar a posição – é uma das figuras mais icônicas e inspiradoras desta geração. Michelle advoga pelas mulheres nos Estados Unidos e no mundo, e, durante o governo de Barack Obama, lançou uma campanha de saúde pública para combater a obesidade no país e encorajar as crianças a ter um estilo de vida saudável.

LEIA MAIS: Barack e Michele Obama estão negociando criação de conteúdo para Netflix

A ex-primeira dama decidiu compartilhar a sua fascinante trajetória em uma autobiografia, e usou sua conta no Instagram para divulgar imagens pessoais, com homenagens a seus pais e ao marido. “O processo de escrever este livro tem sido muito significativo e esclarecedor para mim”, escreveu na rede social. Na obra, intitulada “Becoming”, com lançamento previsto para novembro deste ano, ela conta sua história, desde a infância em South Side, Chicago, à vida na Casa Branca. Michelle escreve sobre as experiências que a moldaram, os desafios de conciliar o trabalho com a maternidade, suas vitórias e decepções.

Veja, na galeria de fotos a seguir, as publicações de Michelle Obama no Instagram:

  • Na imagem, Michelle homenageia o pai, Frases, e a mãe,Marian.”Ele me ensinou a trabalhar duro, rir com frequência e a manter promessas. Ela me mostrou como pensar por mim mesma e a usar a minha voz. Junta, em nosso apertado apartamento no South Side, em Chicago, minha família me ajudou a ver o valor da nossa história, da minha história e da grande história de nosso país.”

  • Em Princeton, no início de 1980. Michelle conta como foi assustadora a experiência de ser a primeira da família a ir para a faculdade. “Eu era negra e de um bairro de classe trabalhadora de Chicago, enquanto a maioria do corpo estudantil de Princeton era formada por brancos de classes mais altas. Eu nunca havia me destacado antes em uma multidão ou na sala de aula por causa da cor da minha pele. Mas encontrei amigos próximos e um mentor que me deram confiança para ser eu mesma. Ir à faculdade é um trabalho duro, mas todos os dias encontrei pessoas cujas vidas foram profundamente transformadas pela educação, assim como a minha. Meu conselho para qualquer aluno é ter coragem e prosseguir. Parabéns para a turma que se forma em 2018!”.

  • Michele lembra do dia de seu casamento com Barack Obama, em outubro de 1992, quando ele acordou com um terrível resfriado. “De alguma forma, quando o encontrei no altar, o mal-estar havia passado e dançamos quase a noite inteira. Agora, 25 anos depois, continuamos nos divertindo ao mesmo tempo que damos duro para construir nossa parceria e apoiar um ao outro como indivíduos. Não consigo imaginar viver essa jornada com outra pessoa.”

  • Família sempre em primeiro lugar. “O lar sempre foi onde nossa família está… Não importa se é no sofá em Hyde Park, Chicago, ou aqui, na Casa Branca. Nós fizemos o melhor para tornar a Casa Branca um local confortável, onde nossas meninas pudessem escalar árvores e dar festas do pijama e onde pudéssemos jantar juntos como uma família. Tentamos viver lá segundo os valores que nos foram ensinados pelos nossos pais.”

  • Sobre o livro, Michelle escreveu: “Estou muito animada por compartilhar com vocês a capa de ‘Becoming’. O processo de escrever este livro tem sido muito significativo e esclarecedor para mim. Enquanto me preparo para partilhar a obra neste outono [nos Estados Unidos], espero que vocês também pensem sobre as próprias histórias, e confiem que ela irá ajudá-los a transformarem-se naquilo que aspiram ser. Sua história é o que você tem, o que sempre terá. É algo que deve assumir. #BECOMING.”

Na imagem, Michelle homenageia o pai, Frases, e a mãe,Marian.”Ele me ensinou a trabalhar duro, rir com frequência e a manter promessas. Ela me mostrou como pensar por mim mesma e a usar a minha voz. Junta, em nosso apertado apartamento no South Side, em Chicago, minha família me ajudou a ver o valor da nossa história, da minha história e da grande história de nosso país.”

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).