Fotos

10 cozinhas das mansões mais caras à venda

No mercado de luxo, uma cozinha bem equipada com os aparelhos mais novos e caros é um ponto importante na hora da compra – mesmo para aqueles que nem cozinham em casa. Essa exigencia é cada vez mais comum entre os bilionários, que preferem deixar os fogões nas mãos de chefes ou empresas de buffet especializadas.

Curioso? Conheça na galleria 10 cozinhas de algumas das mansões mais caras à venda:

  • Preço: US$ 65 milhões

  • Além da vista do oceano e da localização privilegiada, a propriedade ainda oferece duas piscinas infinitas de água salgada, uma cabana, uma quadra de tênis e sistema de som em toda a casa. A cozinha segue o estilo do resto da residência e mantem o uso de matérias naturais como madeira e pedra.

  • Preço: US$ 65 milhões

  • A mansão possui 11 quartos, quadra de tênis, academia, piscina, sala de jogos, sala de cinema para 12 pessoas e garagem para 10 carros – e ainda está sob reforma. A cozinha é moderna e até os aparelhos eletrônicos são brancos.

  • Preço: US$ 65 milhões

  • Depois de renovada a mansão ganhou um novo salão de entrada, elevadores e novos pisos. Aqui, mais uma cozinha com a decoração toda branca.

  • Preço: US$ 68,8 milhões

  • A casa tem sete quartos, dez banheiros, seis lareiras, piscina e garagem para dez carros. Na cozinha, mármore em todas as superfícies.

  • Preço: US$ 69 milhões

  • Antes um retiro para feiras, Villa Maria passou por uma reforma de US$ 35 milhões em 2005. A cozinha apresenta duas tendências do mercado de luxo: a decoração clara e o espaço amplo.

  • Preço: US$ 75 milhões

  • Além da vista privilegiada do Oceano Atlântico, a casa possui piscina, spa, seis quartos e oito banheiros. A cozinha é ampla e em frente ao jardim da propriedade.

  • Preço: US$ 80 milhões

  • O terreno original de quase 5 hectares foi vendido em duas partes. Na cozinha da Wooldon Manor, a decoração toda em branco é uma das tendências do mercado.

  • Preço: US$ 98 milhões

  • Construída em 1884, a casa tem 19 aposentos – sete quartos, seis banheiros e um quarto do pânico. A cozinha é decorada no estilo italiano e possui duas granes bancadas para a preparação das refeições.

  • Preço: US$ 100 milhões

  • A cobertura ocupa os três últimos andares do edifício CitySpire, e tem sala de mídias, sala de jantar para 20 pessoas, uma galeria de arte oficial e adega para 1.000 garrafas. A cozinha possui gabinetes de mogno, duas geladeiras, duas lavadouras de louça e um fogão profissional.

  • Preço: US$ 110 milhões

  • O design das cozinhas do edifício ainda não foi divulgado, mas a imagem dá uma boa ideia de como irão ficar. As cozinhas são equipadas com fornos normais e profissionais.

Preço: US$ 65 milhões

Topo