Fotos

5 coisas que não precisam estar no seu currículo

Muitas pessoas pensam que enviar um currículo ou participar de uma seleção on-line são atos quase obrigatórios na hora de procurar um emprego. Por causa da linguagem formal usada nos textos e de todas as regras envolvidas em uma seleção, alguns tendem a achar que estes documentos são legais.

Esqueça isso: a formatação dos currículos é muito mais flexível hoje em dia do que antigamente. Você pode escolher como quer ser visto pelos chefes em potencial – e adaptar-se conforme o cargo é essencial para o sucesso.

Conheça 5 coisas que não precisam estar no seu currículo:

  • Nem todos se sentem confortáveis ao dividir suas idades com estranhos. Você não precisa ter nenhum sinal dela no seu currículo. Você pode retirar a data de conclusão da faculdade, por exemplo, e não incluir aqueles primeiros empregos há décadas atrás. Mantenha o currículo o mais atualizado possível.

  • Se seu futuro chefe ler que seu cargo é o de “Coordenador de projetos especiais III”, não irá ajudar em nada – porque isso não significada nada. Remodele seu título para que seja entendido em qualquer lugar. Por exemplo, “engenheiro III” pode ser “engenheiro de telefonia”, se era você quem cuidava das operações telefônicas em seu antigo emprego.

  • Muitos processos de seleção pedem para que você liste suas obrigações em outros empregos. Em vez de apenas atestar o óbvio – já que qualquer um consegue imaginar o que você faz baseado em seu cargo -, procure contar algo que realmente exemplifique como você faz a diferença em seu trabalho.

  • Não se preocupe com as datas dos meses nos quais trabalhou – as pessoas só estão interessadas no ano.

  • Você pode escolher quais quer ou não incluir em seu currículo. Se você fez alguma decisão errada e saiu da empresa em menos de uma semana, não precisa citá-lo.

Nem todos se sentem confortáveis ao dividir suas idades com estranhos. Você não precisa ter nenhum sinal dela no seu currículo. Você pode retirar a data de conclusão da faculdade, por exemplo, e não incluir aqueles primeiros empregos há décadas atrás. Mantenha o currículo o mais atualizado possível.

Topo