Fotos

10 cidades que criam os melhores climas de Natal

O Natal é uma comemoração de apenas algumas religiões, mas acaba acarretando algumas unanimidades ao redor do mundo: feriados, reuniões de família, comunhão com as pessoas queridas, sentimento de união – e as incríveis decorações da época.

Se você gosta de entrar no clima de um dos momentos mais esperados do ano, vai querer conhecer estes 10 destinos em que os enfeitos passam longe de apenas piscas-piscas e árvores. Veja a seguir as cidades que realmente aproveitam o clima de Natal:

  • Não é apenas o Rockfeller Center e sua árvore de natal mundialmente famosa que iluminam a cidade durante as festas de final de ano. O Natal em Nova York é atemporal e belo. Dar uma volta de carruagem pelo Central Park é como estar em uma pintura. Para uma experiência mais eletrizante, visite Dyker Heights, no sul do Brooklyn, onde os vizinhos batalham por quem tem a melhor decoração.

  • Na tradição holandesa, a visita do Papai Noel é adiantada, no dia 5 de dezembro; portanto, os presentes e brinquedos são trocados no dia 5, e as comidas e a família são celebradas no dia 25. Entre as duas festas, Amsterdam ganha vida com decoração por toda a cidade, luzes – e todos ficam na espera que o tempo fique frio o suficiente para congelar os canais e criar uma grande festa de patinação no gelo.

  • Existem muitas cidades na Alemanha com os prédios, decorações e atrações perfeitas para o clima de Natal. Mas poucas conseguem superar a pequena Colônia, que oferece 8 mercados de Natal diferentes.

  • Conhecida como a “o lar do Natal” nos EUA, Santa Claus, no estado de Indiana, abraça entusiasticamente seu papel, com diversas atrações e lojas temáticas, incluindo o Castelo de Doces do Papai Noel, o Museu do Papai Noel e Parque Aquático do Papai Noel, para aqueles que desejam que o Natal dure o ano todo, mas com tobogãs.

  • Em nenhuma outra época a herança européia de Boston fica tão evidente quanto nas festas de final de ano. Passeie pela área histórica da cidade – são mais de 2.800 lampiões a gás que ainda funcionam, e a imponente árvore de Natal em frente ao Faneuil Hall é o toque final do cenário mágico.

  • A Lapônia é considerada verdadeira base de operações do Papai Noel. E todo ano, a cidade atrai milhares de turistas de todo o mundo para conhecer duas atrações temáticas, a Aldeia do Papai Noel e o Parque do Papai Noel, onde é possível conhecer as “oficinas” do bom velhinho, conhecer as renas e comprar souvenirs oficiais do Papai Noel.

  • O Natal em Roma é mais solene do que em outros lugares, e pode parecer sem graça comparando ao frenesi dos piscas-piscas dos EUA e do Brasil. Mas isto faz sentido, considerando o lugar de liderança do Vaticano sobre a Igreja Católica. A cidade é uma das poucas onde a fé e a tradição tem um o papel mais central durante o Natal.

  • Quem disse que é preciso neve e cachecóis para se ter um Natal autêntico? San Juan prova que as luzes ficam ótimas nas palmeiras e a carne de porco é tão boa quanto o peru na mesa da ceia.

  • O Natal é sempre branco em Aspen, graças a suas famosas estacoes de esqui, que abrem em novembro e ficam lotadas durante as festas de final de ano. Além disso, a cidade oferece diversos eventos musicais temáticos, e as lojas decoradas encorajam compras e caminhadas invernais.

  • Quando a cidade é conhecida como “Cidade Luz”, há uma reputação a se manter – e não existe data mais importante ou evidente para isso do que durante o Natal, quando as luzes dos piscas-piscas estão presentes em todas as ruas. À noite, um ringue de patinação temporário é instalado logo abaixo da Torre Eiffel.

Não é apenas o Rockfeller Center e sua árvore de natal mundialmente famosa que iluminam a cidade durante as festas de final de ano. O Natal em Nova York é atemporal e belo. Dar uma volta de carruagem pelo Central Park é como estar em uma pintura. Para uma experiência mais eletrizante, visite Dyker Heights, no sul do Brooklyn, onde os vizinhos batalham por quem tem a melhor decoração.

Topo