Fotos

10 churrascarias para conhecer em Las Vegas

Las Vegas e churrascarias caminham lado a lado como melhores amigas. Nenhuma outra cidade nos EUA (nem Nova York, nem Chicago) é capaz de bater a Cidade do Pecado quando o assunto é carne.

E carne de muita qualidade. É lá que fica o primeiro restaurante dos EUA autorizado a vender bifes kobe, uma variedade japonesa de alto padrão.

Tem viagem marcada para Las Vegas e não quer ficar longe das carnes? Veja na galeria de fotos 10 churrascarias para conhecer por lá

  • Escondidinha, esta área reservada da Binion’s Steakhouse só é acessada pelo elevador privativo e está celebrando 50 anos de carnes e pratos especiais. A prata da casa é a lagosta empanada, em homenagem ao cantor country Merle Haggard.

  • A segunda churrascaria de Tom Collichio na lista combina a casualidade das carnes com o sabor nobre dos frutos do mar como caranguejos, ostras, lagostas e mais. Além disso, as taças de vinho do dia podem vir acompanhadas de pequenas porções, como caviar e trufas.

  • O foco aqui é a carne: de boi, de porco, salsicha, carpaccio de bisão… Todas as variedades são bem representadas no Bazaar Meat de chef Jose Andres, famoso por ter reinventado o conceito dos petiscos nas mesas dos EUA.

  • Apesar de a churrascaria ser recém-inaugurada, seu proprietário Tom Collichio já é conhecido por outros restaurantes em Las Vegas e Nova York. Além de apenas trabalhar com carnes livres de hormônio e antibióticos, a verdadeira estrela da casa é a grelha: à lenha, é uma raridade nas churrascarias mais modernas.

  • O chef Michel Mina foi um dos primeiros nos EUA a importar carnes japonesas de altíssima qualidade e suas carnes “normais” também são todas orgânicas e sem aditividos químicos. O chef é famoso pela maneira como cozinha suas carnes, as mergulhando na manteiga antes de grelhar.

  • O Oscar que dá nome à churrascaria é ninguém menos que Oscar Goodman, prefeito de Las Vegas por muitos anos (atualmente, quem está no cargo é a sua esposa). O ex-político vive por lá e tem um escritório nos fundos do negócio. O restaurante é bem tradicional e casual, sendo famoso também por suas cervejas e aperitivos.

  • Conhecido por seus inúmeros programas de TV e personalidade explosiva, a verdadeira fama de Gordon Ramsay é a de ser um dos melhores chefs do mundo. E é nesta churrascaria, um dos três restaurantes que mantem em Las Vegas, que Ramsay pode dar seu toque escocês nas carnes norte-americanas. Os pratos são tradionais, como o “peixe e fritas” britânico, mas com um toque especial de quem entende muito bem.

  • A CUT exibe uma qualidade invejável em todos os níveis, desde a qualidade de suas carnes curadas até os deliciosos petiscos. Não é a toa que é considerada uma das melhores churrascarias do mundo. Um dos aperitivos mais famosos da casa é o pudim de tutano de boi.

  • Localizado no luxuoso hotel Wynn Las Vegas, o SW (de Steve Wynn) ficou conhecido por um prato realmente especial: os bifes kobe. De uma raça específica de bois (wagyu), a carne vem do Japão e passa por controles rigorosos para receber o certificado de kobe autêntico. E a churrascaria em Las Vegas tem até uma estatueta dourada nas prateleiras para provar a qualidade de suas carnes. A SW foi o primeiro restaurante nos EUA a comercializar o bife kobe e há apenas uma outra churrascaria em todo o território norte-americano com o mesmo certificado.

  • A churrascaria mais antiga de Las Vegas já recebeu clientes ilustres, de Frank Sinatra e Elvis Presley até Muhammad Ali, mas nunca esteve tão em alta quanto atualmente graças a abertura de novos cassinos e grandes construções que colocaram sua ruazinha escondida na North Strip no mapa. Além das carnes, o restaurante serve as entradas costumeiras como caranguejo e ostras.

Escondidinha, esta área reservada da Binion’s Steakhouse só é acessada pelo elevador privativo e está celebrando 50 anos de carnes e pratos especiais. A prata da casa é a lagosta empanada, em homenagem ao cantor country Merle Haggard.

Topo