Fotos

Quais as previsões para 2015

FORBES Brasil conversou com alguns especialistas em previsões para saber o que esperar de 2015 nos relacionamentos, negócios, metas e conflitos. Veja na galeria de fotos seguir:

  • Aparecida Liberato é numeróloga há 18 anos e escreve livros para o mercado latino-americano.
    De acordo com sua análise, o número que irá reger
    o próximo ano é o 8 – soma dos algarismos 2015. “Precisamos buscar equilíbrio para vivenciar essa energia 8 tão dura e racional.” A força desse número estimula a autoconfiança e a determinação e influenciará as pessoas a lutarem pelos seus objetivos. O lema de 2015 é obter e conquistar, e a ambição estará muito presente. Aparecida afirma que, a partir de abril, nosso país terá uma energia favorável para seguir um novo rumo na economia. Apesar do baixo e lento crescimento do Brasil,
    o país voltará a ser bem visto pelos investidores estrangeiros e pelos empresários que buscam equilíbrio em seus negócios. “Grandes empresas se tornarão maiores ainda devido à incorporação de companhias menores e negócios bilionários serão feitos, mas também será um ano de muitas disputas e momentos de pressão. O 8 traz competitividade
    e confrontos”, conta Aparecida.

  • Para Adriana Kastrup, a taróloga preferida por famosos, como Carolina Dieckman e Preta Gil, 2015 será ótimo para o amor. O ano contará com uma série de reconciliações, encontros amorosos, afetivos e entre amigos. Porém, com Marte como planeta regente, brigas e guerras estarão bastante propícias, sejam elas reais ou simbólicas. O ano também será de recessão financeira no Brasil e no mundo. “O ato de trabalhar e o emprego em si enfrentarão dificuldades. Haverá muita competição e pouca oferta”, conta Adriana. Ganhar dinheiro também não será fácil e poderemos presenciar muitos casos de perda de emprego e moradia. Apesar dos problemas econômicos, 2015 será benéfico para os estudos. Quem desejar crescer e empreender precisará se dedicar ao aprendizado. No campo da política, a taróloga espera um ano de revolta do povo, devido à inflação e aos escândalos. “Não vamos presenciar nenhum milagre na política e pode ser que haja desafios maiores ainda que os esperados”, finaliza.

  • Enquanto o horóscopo ocidental baseia-se na passagem do sol pelos 12 signos no período de um ano, o chinês tem orientação lunar e possui um ciclo de 12 anos. Cada ano corresponde a um signo diferente e estes são representados por animais. A cabra é o símbolo de 2015. O período de regência valerá de 19 de fevereiro de 2015 a 7 de fevereiro de 2016 e trará paz e harmonia entre as pessoas, beneficiando os relacionamentos e laços de afeto. Com a influência da cabra, o ano favorecerá a compreensão e o humanitarismo. Os projetos pessoais serão estimulados, mas o sucesso dependerá da autodisciplina e de todas as decisões tomadas em relação à responsabilidade e ao planejamento. O ano exigirá determinação e consciência para fazer acontecer.

  • Por meio do estudo dos eventos históricos, associados aos ciclos planetários e astrológicos, Maurício Bernis faz análises dos quadros de tendências. Com mais de 20 anos de prática em astrologia empresarial, vocacional e política, Maurício garante que 2015 será marcado por mudanças e viradas. Até o meio do ano, a economia será recessiva e inflacionária. “Em março, o dólar subirá e se estabilizará em um patamar mais elevado que o atual”, conta Maurício. Isso trará resultados compensatórios aos empresários que têm negócios no exterior. Por outro lado, os aspectos astrológicos indicam dispersão de recursos e direcionamento inadequado dos fundos para infraestrutura. “Para atender às tendências astrológicas e para que haja um bom governo, os artifícios de intervenção, o controle da economia e as políticas sociais assistencialistas precisarão ser redirecionados.” O especialista afirma também que a governante do país não terá tanta liberdade de ação, como teve em seu primeiro mandato, em 2011.

Aparecida Liberato é numeróloga há 18 anos e escreve livros para o mercado latino-americano.
De acordo com sua análise, o número que irá reger
o próximo ano é o 8 – soma dos algarismos 2015. “Precisamos buscar equilíbrio para vivenciar essa energia 8 tão dura e racional.” A força desse número estimula a autoconfiança e a determinação e influenciará as pessoas a lutarem pelos seus objetivos. O lema de 2015 é obter e conquistar, e a ambição estará muito presente. Aparecida afirma que, a partir de abril, nosso país terá uma energia favorável para seguir um novo rumo na economia. Apesar do baixo e lento crescimento do Brasil,
o país voltará a ser bem visto pelos investidores estrangeiros e pelos empresários que buscam equilíbrio em seus negócios. “Grandes empresas se tornarão maiores ainda devido à incorporação de companhias menores e negócios bilionários serão feitos, mas também será um ano de muitas disputas e momentos de pressão. O 8 traz competitividade
e confrontos”, conta Aparecida.

Topo