Fotos

8 dicas para recém-formados conseguirem economizar

Muitos jovens, ao se formarem na faculdade, veem o momento de sair de casa se aproximando. Porém, essa etapa da vida é mais difícil do que se imagina. É preciso tomar conta do seu dinheiro, pagar contas, pensar em todos os detalhes, ou seja, administrar sua própria vida. Os salários dos recém-formados não são altos, por isso, é essencial planejar bem toda a rotina e aprender a economizar.

Veja na galeria de fotos oito dicas para ajudar quem acabou de se formar a cuidar do seu dinheiro:

  • Separe o dinheiro para o aluguel
    Profissionais em planejamento financeiro afirmam que existe uma regra chamada 50-30-20. Ela explica que 50% do dinheiro que você usa para sua casa deve ser gasto com o que você precisa, 30% com o que você quer e 20% você deve economizar. Nunca se deve gastar mais do que 60% do seu orçamento total nas despesas da sua casa.

  • Pare de gastar por hábito
    Pense sobre aquilo que você compra regularmente, como todo dia ou toda semana. Talvez você não tenha um bom motivo para comprar aquilo e não seja necessário no seu dia a dia. Como um café todos os dias ou uma garrafa de vinho no final de semana. Evitar gastos assim pode ser bom.

  • Economize
    Você não deve gastar todo o seu salário assim que ganha-lo. Tente sempre economizar e pensar no futuro, é importante para seu futuro e sua aposentadoria.

  • Compre de modo consciente
    Sempre tenha um plano de compras. É comum pensar um pouco antes de comprar um novo sapato ou um eletrônico, mas quando se trata de fazer compras no supermercado ou na farmácia, nos esquecemos de fazer o mesmo. Por isso, tente planejar o que você vai comprar e fazer algumas contas do quanto você pode.

  • Não pague pelo que você não usa
    Não há motivos para pagar canais de filme se você tem serviços como Netflix no seu computador. Pondere se vale a pena pagar por aplicativos só para se livrar das propagandas, por exemplo, ou se vale a pena continuar recebendo o jornal impresso, em vez de lê-lo online.

  • Pense na relação custo benefício
    Quando se tem pouco dinheiro, comprar o que há de mais barato parece a melhor opção, mas nem sempre faz sentido. Não há motivos para comprar um eletrônico ruim que vai quebrar rápido ou uma roupa de má qualidade que você não poderá usar nem por um ano. Se você comprar coisas ruins, gastará ainda mais tendo que substitui-las.

  • Não caia em “ofertas tentadoras”
    Sites que oferecem ofertas são ótimos, desde que você compre aquilo que você já estava planejando. Mas se não, ela podem ser um grande desperdício de dinheiro. Não caia nessa de comprar só porque o preço está bom, foque-se no que você precisa.

  • Não seja preguiçoso
    Em dias que você está cansado e não tem energia para cozinhar, parece muito mais fácil pedir comida em casa. Porém, entrega é caro. Vale mais a pena fazer um sanduíche ou uma simples salada com o que tem em casa.

Separe o dinheiro para o aluguel
Profissionais em planejamento financeiro afirmam que existe uma regra chamada 50-30-20. Ela explica que 50% do dinheiro que você usa para sua casa deve ser gasto com o que você precisa, 30% com o que você quer e 20% você deve economizar. Nunca se deve gastar mais do que 60% do seu orçamento total nas despesas da sua casa.

Comentários
Topo