Fotos

Conheça a WaterNest, a casa conectada e sustentável do futuro

O conceito de luxo está mudando aos poucos. Nos dias de hoje, algumas vezes é muito mais importante ter uma casa pequena, mas inteligente, que é capaz de responder a todos os seus comandos dados por meio de smartphones, do que uma mansão nada funcional.

Além deixar os imóveis mais conectados, um dos objetivos do mundo moderno é torná-los mais sustentáveis. A empresa londrina EcoFloLife, por exemplo, acaba de criar a WaterNest, uma casa flutuante 98% feita de material reciclável.

Conheça melhor do projeto na galeria a seguir:

  • A casa

    1- Toda a casa foi feita com materiais reciclados como madeira e reutilizados como o alumínio. Desta maneira, é uma casa 98% reciclável e ainda assim oferece o melhor quando se trata de conforto e luxo.

  • Funcionalidades

    2- Varandas localizadas em locais estratégicos iluminam a sala, por exemplo. As superfícies do banheiro e da cozinha são resistentes a mofos e bactérias, e o chão de toda a casa é resistente à umidade.

  • Painéis de energia

    3- O teto possui um painel que é capaz de gerar energia, suprindo algumas das necessidades principais. Além disso, ele ajuda a regular a umidade interna da casa. Esta tecnologia também permite que os proprietários monitorem o consumo de eletricidade e água, por meio de um teclado.

  • Casa inteligente

    1- Um sistema de alarme pode ser regulado por meio de qualquer smartphone. Câmeras na televisão ajudam a controlar o movimento externo. Além disso, alarmes avisam em caso de intrusos, vazamento de gás ou água e corte de energia.

  • Valores

    O preço inicial da casa é de R$ 1,6 milhão para a unidade de 60 m², e R$ 2,6 milhões para a unidade de 100 m². Unidades maiores podem ser customizadas por um preço mais alto.

A casa

1- Toda a casa foi feita com materiais reciclados como madeira e reutilizados como o alumínio. Desta maneira, é uma casa 98% reciclável e ainda assim oferece o melhor quando se trata de conforto e luxo.

Comentários
Topo