Fotos

Prisões para visitar depois de ver “Orange Is the New Black”

A nova temporada de “Orange Is the New Black” estreou na semana passada e a série é um sucesso arrebatador no Netflix. Ela conta a história de Piper Chapman, uma garota de classe média-alta condenada a cumprir 15 meses numa prisão feminina por ter se envolvido com o tráfico de drogas. Embora possa parecer improvável alguém querer visitar uma prisão em funcionamento, as penitenciárias e reformatórios que uma vez uma vez abrigaram os detentos hoje são atrações turísticas muito populares.

MAIS FOTOS: 15 pontos turísticos mais espetaculares de 2015

Muitas das antigas prisões tornaram-se museus nos Estados Unidos, o país com o maior número de encarcerados do mundo, de acordo com o Centro Internacional de Estudos Penitenciários (ICPS). Os passeios turísticos nesses locais incluem excursões de caça-fantasmas e até mesmo passar a noite por lá.

Conheça algumas antigas prisões dos Estados Unidos que promovem passeios turísticos em seus prédios:

  • Alcatraz, na Baía de San Francisco

    O nome é sinônimo de prisão – e de como escapar dela. A prisão mais famosa do mundo foi fechada em 1963 e hoje é administrada pelo Serviço Nacional de Parques dos Estados Unidos. A visita não vale apenas pela sua fama: a ilha de Alcatraz proporciona uma linda vista da Baía de San Francisco.

    As diárias de hotel da cidade são mais baratas em agosto: hospedagens de 3 e 4 estrelas custam de US$ 75 (R$ 230) a US$ 599 (R$1.860) nesse mês. É também possível passar a noite na prisão: o Serviço Nacional de Parques aceita inscrições para esse programa todo o ano e grupos são sorteados para a aventura.

  • Missouri State Penitentiary, em Jefferson City, Missouri

    A penitenciária da cidade funcionou de 1826 a 2004 e foi a maior do país.

    Hoje há passeios pelas celas, pela câmara de gás e pelo pátio.

    Os preços de hospedagem em julho e agosto vão de US$ 55 (R$170) a US$ 144 (R$ 450) para hotéis de 2 estrelas e US$ 93 (R$ 290) a US$ 110 (R$ 340) para hotéis de 3 estrelas.

  • Prison of Southern Michigan, em Jackson, Michigan

    Inaugurada em 1839, foi considerada uma das maiores prisões do mundo, com mais de 5.000 detentos e um total de 515 celas. Os visitantes podem ver a cela onde ficou Jack Kevorkian, médico famoso por defender o direito ao suicídio assistido. Também existe um museu da prisão no bloco 7.

    As taxas de hospedagem de 2 e 3 estrelas da cidade vão de US$ 50 (R$ 155) a US$ 309 (R$ 960) em julho e US$ 49 (R$155) a US$ 242 (R$ 750) em agosto.

  • Ohio State Reformatory, em Mansfield, Ohio

    Muitos filmes foram produzidos nesse reformatório, como “Sonho de Liberdade” e “Força Aérea Um”. Também já foi visitado pelo programa “Ghost Hunters”, do SyFy Channel.

    Todos os anos, o local é visitado por turistas, cinéfilos, aventureiros e investigadores paranormais. O reformatório oferece excursões caça-fantasmas para aqueles que querem uma emoção extra no passeio.

    As taxas de hospedagem locais vão de US$ 45 (R$ 140) a US$ 355 (R$ 1.100) em julho e agosto.

  • West Virginia Penitentiary, em Moundsville, Virgínia Ocidental

    O estilo de arquitetura gótica do local dá o tom assustador do local. Essa penitenciária operou de 1876 a 1995 e hoje funciona como uma atração turística da cidade e também como um centro de treinamento. Além das visitas, a prisão também tem uma programação especial no Halloween.

    As taxas de hospedagem em Moundsville para julho e agosto vão de US$ 94 (R$ 290) a US$159 (R$ 490) para hotéis de 2 e 3 estrelas.

  • Ohio State Reformatory, em Mansfield, Ohio

    Muitos filmes foram produzidos nesse reformatório, como “Sonho de Liberdade” e “Força Aérea Um”. Também já foi visitado pelo programa “Ghost Hunters”, do SyFy Channel.

    Todos os anos, o local é visitado por turistas, cinéfilos, aventureiros e investigadores paranormais. O reformatório oferece excursões caça-fantasmas para aqueles que querem uma emoção extra no passeio.

    As taxas de hospedagem locais vão de US$ 45 (R$ 140) a US$ 355 (R$ 1.100) em julho e agosto.

Alcatraz, na Baía de San Francisco

O nome é sinônimo de prisão – e de como escapar dela. A prisão mais famosa do mundo foi fechada em 1963 e hoje é administrada pelo Serviço Nacional de Parques dos Estados Unidos. A visita não vale apenas pela sua fama: a ilha de Alcatraz proporciona uma linda vista da Baía de San Francisco.

As diárias de hotel da cidade são mais baratas em agosto: hospedagens de 3 e 4 estrelas custam de US$ 75 (R$ 230) a US$ 599 (R$1.860) nesse mês. É também possível passar a noite na prisão: o Serviço Nacional de Parques aceita inscrições para esse programa todo o ano e grupos são sorteados para a aventura.

 

Comentários
Topo