Fotos

5 restaurantes imperdíveis em Mônaco

Monte Carlo, com seus cassinos, megaiates e supercarros, é um dos destinos mais glamourosos do mundo e não é surpresa que seja o lar de diversos restaurantes com estrelas Michelin.

Comandados por alguns dos melhores chefes do mundo, os melhores restaurantes de Mônaco são repletos de luxo e sofisticação. Desde hotéis ao estilo da belle époque até locais modernos no porto que servem champanhe e caviar, o Principado de Mônaco é um ótimo destino gastronômico.

LEIA MAIS: Malásia terá restaurante suspenso no ar

Veja na galeria de fotos os 5 melhores restaurantes de Mônaco, de acordo com o Worth Avenue Yachts, empresa de aluguel de iates:

  • Blue Bay, Monte-Carlo Bay Hotel & Resort

    Número de estrelas Michelin: 1

    Este restaurante ganhou destaque na lista por conta do cardápio inovador inspirado por sabores mediterrâneos e caribenhos. O Chef Marcel Ravin combina sua herança caribenha com ingredientes mediterrâneos para criar novos sabores e texturas. O local possui vista panorâmica para o porto e o oceano.

  • Elsa, Hotel Monte Carlo Beach

    Número de estrelas Michelin: 1

    O Elsa utiliza apenas ingredientes frescos, da estação e 100% orgânicos. O cardápio, criado pelo chef Paolo Sari, é inspirado pela culinária das costas francesa e italiana. Além disso, o restaurante é o primeiro completamente orgânico a receber uma estrela Michelin.

    As mesas no deck na praia dão um clima leve para o menu de lagostins gigantes com camarões vermelhos e funcho crocante. É um local elegante, mas sem ser exagerado, que funciona muito bem para um almoço relaxante.

  • Joel Robuchon Monte Carlo, Hotel Metropole

    Número de estrelas Michelin: 2

    Este é apenas um dos muitos restaurantes de Joel Robuchon, chef com mais estrelas Michelin no mundo. Ao provar os pratos mediterrâneos, como codorna caramelizada recheada com foie gras, é fácil entender o porquê. O local em si é extremamente luxuoso e possui um terraço com vista para a água. Um elemento característico do restaurante é a cozinha aberta e a “mesa do chef”, de onde é possível assistir Christophe Cussac em ação.

  • Louis XV-Alain Ducasse, Hotel de Paris

    Número de estrelas Michelin: 3

    Encomendado pelo príncipe Rainier II de Mônaco em 1987, este restaurante ganhou três estrelas Michelin em apenas três anos e, fato ainda mais impressionante, não perdeu nenhuma até hoje. O local, que possui uma decoração inspirada no Palácio de Versalhes, recebeu uma reforma e agora tem um salão principal aberto e ventilado, decorado com um enorme candelabro. O cardápio mediterrâneo também foi atualizado e oferece pratos como “lagosta azul com mirtilos, gengibre e pêssegos grelhados”, enquanto os chefs Alain Ducasse e Dominique Lory continuam a criar novas receitas que lembram a diferença entre ter duas ou três estrelas Michelin.

  • Yoshi, Hotel Metropole

    Número de estrelas Michelin: 1

    O restaurante pertence ao chef Joel Robuchon, mas os pratos são assinados pelo chef Takéo Yamazaki, que cria um cardápio japonês-ocidental único. Não é apenas a comida que chama atenção: a decoração também passa pela combinação ocidental e oriental, com um jardim japonês na área externa do Hotel Metropole.

Blue Bay, Monte-Carlo Bay Hotel & Resort

Número de estrelas Michelin: 1

Este restaurante ganhou destaque na lista por conta do cardápio inovador inspirado por sabores mediterrâneos e caribenhos. O Chef Marcel Ravin combina sua herança caribenha com ingredientes mediterrâneos para criar novos sabores e texturas. O local possui vista panorâmica para o porto e o oceano.

Comentários
Topo