Fotos

10 empresas com políticas de férias inovadoras

Há algum tempo, os cenários empresariais e seus administradores tomavam certas decisões sem considerar aspectos que hoje são fundamentais para o sucesso de uma marca, como o bem-estar de seus funcionários. Porém, nos últimos anos, novos conceitos surgiram por meio de avanços tecnológicos, da ampla concorrência no mercado e da globalização, o que fez com que os profissionais buscassem cada vez mais pela qualificação e aprimoramento de seus conhecimentos e competências.

VEJA TAMBÉM: 14 coisas que você deveria fazer durante o horário de almoço

Ao considerar isso, algumas empresas perceberam que bons resultados no mercado não estão atrelados apenas às vendas, mas também ao capital humano por trás do desenvolvimento de suas atividades.

Um exemplo dessa valorização organizacional interna são as novas políticas de reconhecimento de funcionários, que servem como motivação para que os profissionais sintam-se cada vez mais satisfeitos com a empresa e atinjam metas que melhoram a imagem pública da marca.

NÃO PERCA: 20 maiores bilionários do Brasil

Veja abaixo alguns exemplos de empresas que realizam esse tipo de investimento para manter seus funcionários:

  • Netflix

    O famoso serviço de streaming foi uma das primeiras empresas a oferecer aos seus funcionários férias remuneradas por tempo ilimitado, em troca dos bons serviços prestados.

  • Evernote

    Desde o ano passado, o CEO da startup de tecnologia, Phil Libin, começou a oferecer aos seus funcionários um tempo indeterminado de férias. Além disso, ele também decidiu que iria compensar os profissionais com US$ 1.000 para que fossem gastos com “recessos” semanais.

  • Zynga

    A empresa de serviço de jogos on-line Zynga é uma das mais recentes marcas do setor tecnológico a oferecer tempo indeterminado de férias aos seus funcionários.

  • FullContact

    A startup norte-americana de tecnologia está tão preocupada em garantir que seus profissionais descansem que também passou a oferecer férias por tempo indeterminado, além de dar, a cada um deles, US$ 7.500 (R$ 24.000) por ano para ajudar no custo das viagens.

  • Chegg

    Outra empresa norte-americana que permite períodos ilimitados de férias é a Chegg, startup que disponibiliza livros digitalizados on-line.

  • Couch Surfing

    A organização de serviços on-line de hospedagem que conecta viajantes pelo mundo encoraja seus funcionários a tirarem duas semanas extras de recesso remunerado e ainda coloca seu próprio serviço à disposição para a programação das viagens.

  • Gilt Groupe

    A empresa de compras on-line é mais uma na lista de companhias que oferecem período indeterminado de recesso aos seus funcionários.

  • Social Strata

    A companhia de serviços para mídias sociais começou a aderir à nova política de férias em 2010, quando passou a oferecer aos seus funcionários recessos remunerados de período indeterminado.

  • WeddingWire

    O site que oferece serviços para casamentos mudou, recentemente, sua política de férias para aderir à tendência de “recessos de tempo ilimitado” aos funcionários.

  • Xobni

    A Xobni, desenvolvedora de aplicativos móveis para gerenciar contatos do e-mail, também passou a oferecer férias de tempo indeterminado para alguns de seus funcionários.

Netflix

O famoso serviço de streaming foi uma das primeiras empresas a oferecer aos seus funcionários férias remuneradas por tempo ilimitado, em troca dos bons serviços prestados.

Comentários
Topo