Fotos

7 grandes decepções de Hollywood na temporada

O que faz um filme ser um fracasso? Ter uma bilheteria pequena em relação ao seu orçamento ou ser devastado pela crítica especializada? Os sete filmes a seguir reuniram as duas opções. Com investimentos milionários de produtoras como Warner Bros. e Sony, estes longas arrecadaram muito menos que o previsto. O problema fica ainda mais evidente se levarmos em conta que estas produções foramlançadas no meio do ano, época de ouro para o cinema norte-americanojá que boa parte dos cidadãos do país estão em férias de verão.

RANKING: 15 franquias do cinema que mais arrecadaram até hoje

Em “Belas e Perseguidas”, por exemplo, nem o sucesso de Sofia Vergara, atual atriz de seriado mais bem paga do mundo (LINK PRO RANKING), nem o carisma da já veterana Reese Whiterspoon salvaram a produção do desastre: o filme arrecadou apenas US$ 34 milhões nos Estados Unidos com um orçamento de US$ 35 milhões. Se considerar os custos de divulgação e promoção da comédia, o prejuízo foi muito superior a US$ 1 milhão.

VEJA TAMBÉM: Por que “O Quarteto Fantástico” é uma decepção de bilheteria

A lista considera os orçamentos e oslucros finais de cada produção, divididos por arrecadações domésticas, ou seja, nos Estados Unidos, de onde as produtoras tiram seu lucro, e mundiais. Entre as obraslistadas está “Quarteto Fantástico”, dirigido por Josh Trank e produzido pela 20th Century Fox, que teve um orçamento total de US$ 120 milhões earrecadou, em nível mundial, apenas US$ 150 milhões.

Veja na galeria de fotos as sete principais decepções do cinema norte-americano na última temporada:

  • ”Belas e Perseguidas”

    Produzido pela Warner Bros. em parceria com a Time Warner e dirigido pela norte-americana Anne Fletcher, o filme é considerado um verdadeiro “clichê” do gênero decomédias hollywoodianas queinvestem em mulheres belas e corajosas como protagonistas. Nem a dupla vivida por Sofia Vergara e Reese Whiterspoon salvou o longa, especialmente em seu país de origem.

    Orçamento: US$ 35 milhões

    Arrecadação nos Estados Unidos: US$ 34 milhões

    Arrecadação mundial: US$ 51 milhões

  • “Tomorrowland: Um Lugar Onde Nada é Impossível”

    Antes de ser lançado nas telonas, este filme, dirigido por Brad Bird e produzido pela Walt Disney, estava planejado para ser um grande clássico de aventura, ficção científica e suspense, mas, ao contrário do que seus produtores esperavam, não rendeu muitas críticas positivas e, tampouco, grandes arrecadações de bilheteira.

    Orçamento: US$ 190 milhões

    Arrecadação nos Estados Unidos: US$ 92 milhões

    Arrecadação mundial: US$ 206 milhões

  • “Sob o Mesmo Céu”

    Com um estilo muito parecido ao dasdemais comédias dramáticas lançadas nos Estados Unidos, o filme, dirigido por Cameron Crowe, arrecadou nas bilheterias do mundo inteiro um valor menor do que o seu custo de produção,graças à baixa audiência de público nacional e internacional.

    Orçamento: US$ 37 milhões

    Arrecadação nos Estados Unidos: US$ 21 milhões

    Arrecadação mundial: US$ 26,2 milhões

  • “Pixels”

    Apesar de ter arrecadado o dobro do que gastou em seu orçamento total, a obra, dirigida por Chis Columbus e produzida pela Sony, recebeu críticas pela má atuação de seus atores e roteiro de baixaqualidade.

    Orçamento: US$ 88 milhões

    Arrecadação nos Estados Unidos: US$ 73 milhões

    Arrecadação mundial: US$ 186 milhões

  • “Quarteto Fantástico”

    Produzido pela 20th Century Fox e dirigido por Josh Trank, o filme arrecadou pouco mais do que o valor gasto com a produção e foi considerado uma das piores obras de super-heróis dos últimos anos.

    Orçamento: US$ 120 milhões

    Arrecadação nos Estados Unidos: US$ 54 milhões

    Arrecadação mundial: US$ 150 milhões

  • “Ricki and the Flash: De Volta Para Casa”

    Lançado apenas nos cinemas dos Estados Unidos, o filme, dirigido por Jonathan Demme e produzido pela Sony, criou uma expectativa maior do que de fato ofereceu ao público graças ao seu brilhante elenco, que inclui Meryl Streep e Kevin Klinem empapéis cômicos “não tão brilhantes assim”.

    Orçamento: US$ 18 milhões

    Arrecadação nos Estados Unidos: US$ 25 milhões

  • “O Agente da U.N.C.L.E.”

    Dirigido por Guy Ritchie e produzido pela Warner Bros em parceria com a Time Warner, a obra é uma mistura de ação, comédia e aventura, e obteve críticas ruins sobre a atuação do elenco principal, incluindo Henry Cavill e Armie Hammer.

    Orçamento: US$ 75 milhões

    Arrecadação nos Estados Unidos: US$ 40 milhões

    Arrecadação mundial: US$ 76 milhões

”Belas e Perseguidas”

Produzido pela Warner Bros. em parceria com a Time Warner e dirigido pela norte-americana Anne Fletcher, o filme é considerado um verdadeiro “clichê” do gênero decomédias hollywoodianas queinvestem em mulheres belas e corajosas como protagonistas. Nem a dupla vivida por Sofia Vergara e Reese Whiterspoon salvou o longa, especialmente em seu país de origem.

Orçamento: US$ 35 milhões

Arrecadação nos Estados Unidos: US$ 34 milhões

Arrecadação mundial: US$ 51 milhões

Comentários
Topo