Fotos

7 lugares abandonados e estranhamente bonitos

Há uma beleza estranha e melancólica em lugares abandonados, tanto aqueles que se tornaram desertos após desastres quanto aqueles que foram fechados e jogados às traças após seus habitantes se mudarem. Esses locais se mantêm como uma estranha lembrança do que um dia já foram.

VEJA TAMBÉM: 11 hotéis para você se hospedar no Halloween

Um novo livro, “Abandoned Places: 60 stories of places where time stopped” (“Lugares Abandonados: 60 histórias de lugares onde o tempo parou”, em tradução livre, ainda sem versão em português), reuniu 60 lugares ao redor do mundo onde o tempo parece ter parado.

MAIS FOTOS: 10 lugares mais mal-assombrados ao redor do mundo

Veja sete lugares abandonados estranhamente bonitos:

  • The Giersdorf Church, Polônia

    Nenhuma congregação ocupa a The Giersdorf Church, na Polônia, desde meados da década de 1940. Milhares de Igrejas foram destruídas por bombas ou tanques durante a II Guerra Mundial. Algumas, como essa, sobreviveram, e o interior resplandecente, ainda que esteja desmoronando, continua a inspirar temor.

  • Kolmanskop, Namíbia

    Nada além de areia – e alguns turistas com câmeras – ocuparam os prédios de Kolmanskop, na Namíbia, desde a década de 1950. Pequena cidade no deserto do país, a área bombou por alguns anos após a descoberta de diamantes no solo, mas, depois de certo tempo, as joias acabaram e os habitantes também desapareceram.

  • North Brother Island, Nova York

    Da década de 1880 à década de 1960, North Brother Island era sede de uma clínica médica que hospedou pacientes com várias doenças infecciosas, de varíola a escarlatina, tifo e lepra, por muitos anos. Abandonada em 1963, a ilha, que não é longe das periferias do Bronx, distrito da cidade de Nova York, agora hospeda uma variedade de pássaros.

  • Eastern State Penitentiary, Pennsylvania

    Eastern State Penitentiary abrigava cerca de 450 prisioneiros entre suas paredes imponentes. Aberta em 1829, era a maior estrutura pública já construída e inspirava temor entre os que a viam, incluindo Charles Dickens em uma viagem pelos Estados Unidos. Ainda que não ocorressem execuções lá, muitas pessoas morreram entre suas paredes, o que criou o boato de que o local é mal-assombrado. Foi abandonada em 1971.

  • Parque temático em Pripyat, Ucrânia

    Pripyat, na Ucrânia, foi abandonada após o desastre de Chernobyl em 1986 e, por isso, será mantida longe de desenvolvimento humano por séculos. O parque temático, que estava prestes a ser aberto quando o acidente ocorreu, tornou-se um emblema do incidente, com suas rodas gigantes e outros brinquedos desertos como uma lembrança congelada do terrível poder da tecnologia nuclear. O local serviu como cenário para o jogo “Call of Duty”.

  • Beelits Sanatorium, Alemanha

    Camas enferrujadas e lâmpadas cirúrgicas permanecem no Beelits Sanatorium, mas os médicos abandonaram o local há muito tempo. Ainda que partes do enorme complexo tenham sido restauradas desde que o local foi abandonado em 1995, o resto provavelmente não será reaberto tão cedo.

  • Six Flags, New Orleans

    A força destrutiva do furacão Katrina fez com que o parque de diversões Six Flags tivesse de parar de funcionar. Após ter sido fechado em 2005, os proprietários argumentaram com empresas de seguros por algum tempo, antes de a propriedade ser comprada pela cidade em 2010. Desde então, o parque tem sido usado em diversos filmes, como “Planeta dos Macacos: o Confronto” e “Jurassic World”.

The Giersdorf Church, Polônia

Nenhuma congregação ocupa a The Giersdorf Church, na Polônia, desde meados da década de 1940. Milhares de Igrejas foram destruídas por bombas ou tanques durante a II Guerra Mundial. Algumas, como essa, sobreviveram, e o interior resplandecente, ainda que esteja desmoronando, continua a inspirar temor.

Comentários
Topo