Fotos

A evolução do Camaro ao longo dos anos

A sexta geração do Chevrolet Camaro foi apresentada neste mês nos EUA e despertou, como era de se esperar, a atenção de grande parte da mídia automotiva.

VEJA TAMBÉM: Testamos o superesportivo Porsche Macan Turbo de quatro portas

A chegada do modelo 2016 de um carro lançado em 1967 é um bom momento para relembrar a evolução do Camaro ao longo dos últimos 49 anos.

MAIS FOTOS: Um test drive no Rolls-Royce Wraith de quase US$ 400 mil

Veja na galeria de fotos a evolução do Camaro ao longo dos anos:

  • 1967 Camaro RS

    Nasce o Camaro: em retrospectiva, esse RS (Rally Sport) de 1967 parece um pouco desinteressante em relação à reputação de carro potente que o Camaro rapidamente desenvolveu para competir com o Mustang, da Ford, lançado dois anos antes.

    O primeiro Camaro estava disponível em versões conversíveis e não conversíveis, com dois diferentes motores de 6 cilindros (3769 e 4096 cm³) e três V8 (5358, 5735 e 6489 cm³). Assim, podia-se conseguir de 140 a 375 cavalos de potência.

  • 1969 Camaro Z28

    Provavelmente uma das variações mais desejadas da primeira geração do Camaro, que foi de 1967 a 1969.

  • 1970 Chevrolet Camaro SS

    A segunda geração do Camaro começou com o modelo de 1970 e foi até 1981. Esse SS de 1970 poderia vir com um motor V8 de 5735 cm³ que produzia 375 cavalos de potência.

  • 1981 Chevrolet Camaro

    Com o fim da segunda geração do Camaro em 1981, o estilo do carro mudou drasticamente e as regulagens de emissões diminuíram a potência, de modo que o Camaro 5.0 tinha apenas 145 cavalos.

  • 1983 Chevrolet Camaro Z28

    A terceira geração do Camaro foi de 1982 a 1992. Com o tempo, foram feitas mudanças como injeção à combustível e o primeiro modelo com motor de quatro cilindros.

  • 1990 Chevrolet Camaro RS

    O Camaro RS de 1990 era um cupê. O carro começou a recuperar aspectos de sua antiga fama de carro potente. Assim, os modelos da terceira geração conquistaram muitos fãs.

  • 1995 Chevrolet Camaro Z28 Convertible

    Na quarta geração do Camaro (1993-2002), os conversíveis e os cavalos de potência retornaram. Motores de quatro cilindros acabaram em 1996, quando o modelo começou a utilizar motores V8, como os do Corvette.

  • 2002 Chevrolet Camaro 35th Anniversary Edition SS Convertible

    Essa edição para o 35º aniversário do Camaro celebrou a data e, simultaneamente, marcou o fim do carro: a Chevrolet parou a produção até a quinta geração ser lançada oito anos depois.

  • 2010 Chevrolet Camaro

    Depois de oito anos sem ser produzido, o Camaro retornou para a sua quinta geração, em 2010, com estilo violento e inspirado nos antecessores e potentes motores V6 e V8. Para a infelicidade da rival de longa data Ford, o novo Camaro começou a vender mais do que o Mustang.

  • 2013 Chevrolet Camaro ZL1

    Em 2012, o Camaro ZL1 deu início a uma nova era de carros de alta performance para a quinta geração do Camaro, com 580 cavalos de potência vindos de um monstruoso motor V8 6.2, o que tornou mais rápido entre todos os Camaros.

  • 2016 Chevrolet Camaro SS

    A sexta geração do Camaro será lançada em algumas semanas com essa versão de 2016, que ostenta uma sofisticada plataforma totalmente nova, capaz de proporcionar refinamento e tornar o carro centenas de quilogramas mais leve (menos peso é desejável para qualquer veículo, principalmente para carros esportivos). Com 455 cavalos de potência e um motor V8 6.2, o Camaro SS 2016 é o Camaro SS mais poderoso de todos os tempos.

1967 Camaro RS

Nasce o Camaro: em retrospectiva, esse RS (Rally Sport) de 1967 parece um pouco desinteressante em relação à reputação de carro potente que o Camaro rapidamente desenvolveu para competir com o Mustang, da Ford, lançado dois anos antes.

O primeiro Camaro estava disponível em versões conversíveis e não conversíveis, com dois diferentes motores de 6 cilindros (3769 e 4096 cm³) e três V8 (5358, 5735 e 6489 cm³). Assim, podia-se conseguir de 140 a 375 cavalos de potência.

Comentários
Topo