Fotos

O que fazer no Parque Nacional de Iguaçu

Considerada uma das maiores belezas naturais do planeta, o Parque Nacional de Iguaçu, no Estado do Paraná, recebe anualmente um grande número de visitantes de todas as partes do mundo. E não é à toa: Um dos principais cartões postais da América do Sul conta com 275 quedas de água fascinantes, divididas entre o território brasileiro e o argentino, ao norte da província de Misiones.

LIFESTYLE: Viagens para Ásia e África ajudam a proteger elefantes ameaçados

Por ser um dos poucos locais em conservação da Mata Atlântica, o parque conseguiu preservar grande parte de seu visual original, que se estende por cataratas, florestas subtropicais e fauna protegida. Além disso, conta com atrações e cenários capazes de impressionar turistas do mundo inteiro.

FOTOS: Durma a céu aberto em um super-resort ecológico em Bangcoc

A partir de um roteiro selecionado, foram reunidas as melhores opções de passeios, vistas e restaurantes da região, para quem planeja em visitar as belezas do Parque Nacional de Iguaçu algum dia. Veja na galeria de fotos o que fazer na região e o que esperar de suas atrações:

  • Melhor passeio diurno:

    Safari Macuco

    O Safari Macuco é feito em botes e, por isso, permite que os visitantes do parque apreciem as Cataratas do Iguaçu de um ângulo especial. O tour dura aproximadamente duas horas e, durante o percurso, o guia faz algumas paradas para fotos.

  • Safari Macuco

    O passeio começa com um percurso de 3 km pelas florestas do Iguaçu, pelo qual os visitantes podem optar pela caminhada ou percorrer o trajeto em pequenos carros elétricos até um deque à beira do rio.

  • Safari Macuco

    Na terceira parte do passeio, os visitantes partem em uma aventura pelas águas do parque até um dos impressionantes saltos que compõem as cataratas, o Salto dos Três Mosqueteiros.

  • Cruzando a fronteira:

    O lado argentino

    No lado argentino do parque, é possível ter um visual melhor das cataratas – por ser o local mais próximo da Garganta do Diabo, queda com maior fluxo da região, com cerca de 150 metros de largura e 80 m de largura. Além disso, a região também oferece vista panorâmica ao Salto Bossetti, uma das sete belezas naturais do mundo.

  • Melhor excursão:

    Trilha do Poço Preto

    Segundo os próprios organizadores do passeio, a Trilha do Poço Preto pode ser definida como um Safari Ecológico. São 9 km que podem ser feitos em caminhada, bicicleta ou carro elétrico. Além disso, a trilha é realizada com guias especializados na fauna e flora do parque.

  • Melhor atividade em família:

    Parque das Aves

    Com cerca de 900 animais, o Parque das Aves está dividido em cinco viveiros integrados à floresta do Iguaçu.

  • Parque das Aves

    São cerca de 130 espécies de pássaros vindos de continentes sul americanos.

  • Parque das Aves

    Muitas das aves que hoje vivem no parque chegaram ao local em péssimas condições e precisaram de cuidados especiais, por terem sido capturados por comerciantes ilegais.

  • Parque das Aves

    Um dos viveiros mais visitados do parque é o das Araras Azuis, onde é possível interagir com os pássaros.

  • Melhor vista:

    Voo de helicópitero

    Sem dúvida, a melhor maneira de ver o Parque Nacional do Iguaçu é de cima. Para garantir essa vista um dos passeios mais famosos do parque é o voo de helicóptero.

    Apesar do trajeto padrão durar apenas 10 minutos, os cenários naturais avistados a bordo de um helicóptero, definitivamente, compensam o curto tempo.

    Há ainda a opção de voos mais longos, com 35 minutos de duração, que, além das cataratas, sobrevoam também a Usina Hidrelétrica de Itaipu, o Monumento das Três Fronteiras e o Centro de Foz do Iguaçu.

  • Melhor arquitetura:

    Casa Ecológica de Botellas

    Diferente de outros lugares históricos repletos de arquiteturas imponentes e contemporâneas, o Parque Nacional do Iguaçu apresenta um conceito diferente de construção ao apresentar aos visitantes a Casa Ecológica de Botellas.

  • Casa Ecológica de Botellas

    Pouco tradicional, a instalação se diferencia por sua estrutura feita a partir de materiais recicláveis, especialmente garrafas pet e caixas de embalagem longa vida.

  • Casa Ecológica de Botellas

    A casa foi construída por artesãos, como parte de um projeto para aumentar a conscientização ambiental nas escolas da região.

  • Casa Ecológica de Botellas

    Além disso, atualmente, o local serve como uma loja de artesanato local e vinhos.

  • Melhor atração:

    Usina Hidrelétrica de Itaipu

    Uma das principais atrações turísticas do Parque é a Hidrelétrica de itaipu, a segunda maior usina do mundo em funcionamento atualmente.

  • Usina Hidrelétrica de Itaipu

    A maneira mais simples de conhecer a instalação é pela Visita Panorâmica, que inclui um passeio de ônibus pela barragem de 2,5 km da hidrelétrica, e uma parada no mirante.

  • Usina Hidrelétrica de Itaipu

    Já o Circuito Especial, mais longo, permite que o visitante conheça também o interior da usina e suas turbinas.

  • Usina Hidrelétrica de Itaipu

    A última opção de tour é a Visita Noturna, que acontece somente na sexta-feira e no sábado, e permite aos visitantes verem toda a estrutura da barragem iluminada, com direito à música de fundo.

  • Melhores restaurantes com vista:

    Belmond Hotel das Cataratas

    Cercado de paisagens majestosas, o Belmond Hotel traz algumas opções de restaurantes que combinam variedades de influências culinárias e ainda oferece vista panorâmica às Cataratas do Iguaçu.

  • Belmond Hotel das Cataratas

    Entre eles, o restaurante Itaipu de culinária brasileira e internacional e o Bocamora, localizado próximo ao marco das três fronteiras, com um cardápio variado de peixes e carnes argentinas.

Melhor passeio diurno:

Safari Macuco

O Safari Macuco é feito em botes e, por isso, permite que os visitantes do parque apreciem as Cataratas do Iguaçu de um ângulo especial. O tour dura aproximadamente duas horas e, durante o percurso, o guia faz algumas paradas para fotos.

Comentários
Topo