Fotos

18 bilionários que deixaram saudade

No dia 5 de outubro de 2011, Steve Jobs morreu após uma parada respiratória, em decorrência de um tumor pancreático. A Apple perdia seu grande líder e maior criador, enquanto o mundo dava falta de uma das mentes mais criativas do século. Jobs não revolucionou apenas o meio da computação, como da música, da telecomunicação, entre outros.

MAIS BILIONÁRIOS: 20 maiores bilionários do Brasil

O norte-americano ocupava um lugar privilegiado entre a lista de bilionários de FORBES. Com poder sobre Apple e a recém-comprada Pixar, Jobs era um dos nomes mais poderosos e ricos da tecnologia no mundo. Ao morrer, grande parte de sua fortuna foi atribuída à esposa, a filantropa Laurene Powell Jobs.

VEJA TAMBÉM: Como os bilionários controlam a sua vida

O cofundador da Apple não foi o único. Desde que foi criada, a lista de bilionários de FORBES teve diversas baixas de importantes nomes que revolucionaram vários setores do mercado ou, muitas vezes, o mundo. Como é o caso de Hiroshi Yamauchi, da Nintendo, e Nicolas Hayek, um dos expoentes da relojoaria suíça. No Brasil, homens como o empresário Antonio Ermírio de Moraes e o banqueiro Moise Safra pararam de dar recentemente suas importantes constribuições.

MAIS RANKING: 25 maiores bilionários da América Latina

Veja na galeria de fotos 18 bilionários do Brasil e do mundo que deixaram saudade:

  • Antônio Ermírio de Moraes

    O ex-presidente do Grupo Vototantim faleceu em agosto de 2014 aos 86 anos. Na época, ocupada o 16º lugar na lista de bilionários brasileiros.

  • Hiroshi Yamauchi

    Líder da Nintendo e um dos grandes expoentes da indústria de videogames faleceu em setembro de 2013, aos 85 anos, no Japão.

  • Roberto Civita

    Todo poderoso do Grupo Abril e criador da revista “Veja”, Roberto Civita faleceu em maio de 2013 quanto ocupava o 13º lugar da lista de bilionários de FORBES Brasil.

  • Fred DeLuca

    Cofundador do Subway, o norte-americano faleceu aos 67 anos em setembro deste ano, poucas semanas após sua comemoração de 50 anos da sua rede. DeLuca lutava contra a leucemia há dois anos.

  • Samuel Klein

    O fundador das Casas Bahia, faleceu em novembro de 2014 aos 91 anos, em São Paulo, por conta de uma insuficiência respiratória.

  • Richard Rainwater

    O norte-americano faleceu em setembro deste ano, no Texas, aos 71 anos. Integrante da FORBES 400 há muitos anos, ele havia sido diagnosticado com paralisia supranuclear progressiva (PSP), raro distúrbio neurológico.

  • Norberto Odebrecht

    O pernambucano, fundador da Odebrecht, faleceu em julho de 2014 aos 93 anos, quando ocupava a 9ª posição entre os bilionários brasileiros. O neto, Marcelo, assumiu o lugar do avô na lista.

  • Cayetana Fitz-James Stuart

    A aristocrata espanhola faleceu em novembro de 2014 na Espanha. Além de ser a 18ª duquesa de Alba, a bilionária carregava mais de 50 títulos de nobreza – número que a colocou no Livro Guinness de recordes como a mulher com mais títulos deste tipo no mundo.

  • Moise Safra

    Irmão de Joseph Safra, segundo maior bilionário brasileiro, Moise faleceu em junho de 2014 após lutar contra o câncer e enfrentar o mal de Parkinson por anos.

  • Wallace McCain

    “Barão das batatas fritas”, como era conhecido por ter fundado a maior rede do ramo, que levava seu sobrenome, o francês faleceu em maio de 2011 aos 81 anos.

  • Steve Jobs

    O icônico cofundador da Apple faleceu em outubro de 2011, aos 56 anos, após lutar contra um câncer pancreático raro. Ele deixou sua fortuna e participações, que incluiam a Pixar, para sua esposa, Laurene Powell Jobs.

  • Nicolas G. Hayek

    Um dos grandes expoentes da alta relojoaria suíça, Hayek faleceu aos 82 anos em junho de 2010 quando trabalhava em seu escritório, em Bienna.

  • Michele Ferrero

    O então homem mais rico da Itália e proprietário de um império global de chocolates e doces faleceu em fevereiro deste ano aos 89 anos. Seu grupo incluía marcas como Nutella, Ferrero Rocher e Kinder Ovo.

  • Malcolm Glazer

    O norte-americano, morto em maio de 2014, ganhou sua fortuna com o mercado imobiliário, mas sua paixão era o esporte: era dono do Manchester United e do time de futebol americano Tampa Bay Buccaneers.

  • Edmond Safra

    Edmond foi o primeiro a falecer entre os bilionários irmãos Safra. O banqueiro foi morto num incêndio criminoso em seu apartamento em Mônaco em dezmebro de 1999.

  • Dirce Navarro de Camargo

    Então mulher mais rica do Brasil, a viúva do Grupo Camargo Corrêa faleceu em abril de 2013, em sua casa, aos 100 anos.

  • Johanna Quandt

    Matriarca da BMW, Johanna Quandt faleceu em agosto deste ano, na Alemanha, aos 97 anos. Com uma fortuna estimada em US$ 11,9 bilhões, ela era a segunda mulher mais rica do país, atrás apenas de sua filha, Susanne.

  • Kirk Kerkorian

    Um dos maiores visionários de Las Vegas e fundador do cassino MGM Resort morreu em junho deste ano aos 98 anos. Sua fortuna estava estimada em US$ 4 bilhões.

Antônio Ermírio de Moraes

O ex-presidente do Grupo Vototantim faleceu em agosto de 2014 aos 86 anos. Na época, ocupada o 16º lugar na lista de bilionários brasileiros.

Comentários
Topo