Fotos

7 segredos que pessoas inteligentes sabem sobre gerenciar o tempo

Sentir-se cada vez mais sobrecarregado com o trabalho é normal. Ter de conciliar a vida profissional com a vida pessoal ou acadêmica torna o dia a dia ainda mais cheio e caótico. Como consequência, muitas pessoas ficam paralisadas e optam por soluções nada efetivas para gerenciar seu tempo.

VEJA TAMBÉM: 9 frases que pessoas inteligentes nunca falam

Se sua caixa de e-mails e seu cronograma de reuniões controlam seu dia; se tarefas importantes são ultrapassadas por tarefas simples e dispensáveis; se tarefas “divertidas” sempre são finalizadas; e se, a cada semana, você copia os afazeres de sua lista com a esperança de que eles magicamente se tornem realizáveis, você pode estar falhando em lidar com todas as coisas que tem para fazer.

E MAIS: Quantas horas as pessoas trabalham em cada país

Veja na galeria de fotos sete segredos que pessoas inteligentes sabem sobre gerenciar o tempo:

  • Você não pode gerenciar o tempo, você pode apenas gerenciar você mesmo

    Cada dia tem 24 horas. Você não pode mudar isto. Se você focar em gerenciar o tempo – buscando por sistemas, listas e ferramentas – você estará ignorando o real problema: gerenciar a você mesmo.

  • “Muita coisa para fazer” e “não ter tempo suficiente” são palavras de vítimas

    A cada vez que você repete essas palavras, você se isenta de ter de se gerenciar. Você culpa as circunstâncias que escapam ao seu controle e se coloca no papel de vítima. Claro que há muita coisa para fazer! Claro que não há tempo suficiente! Acostume-se!

  • Muitas prioridades significam nenhuma prioridade

    Você não pode ter muitas prioridades. Por definição, prioridades são aquelas tarefas principais que merecem atenção primeiro. Se você tem muitas, você não tem nenhuma. É você quem deve saber quais são as suas prioridades a cada momento.

  • Quanto mais prioridades você tem, menos você realiza

    Se você tem duas ou três prioridades, você irá completar duas ou três tarefas. Se você tem quatro ou dez, você irá completar uma ou duas. Se você tem mais de dez, você não irá completar nenhuma. Quanto mais itens você tiver em sua lista, mais tempo você passará mexendo na lista, pulando de tarefa para tarefa e se sentindo paralisado pela indecisão.

  • Suas listas de afazeres são malucas

    Coloque todas as suas listas juntas. Então, tente estimar o tempo necessário para completar todas as tarefas. Quais são as chances de o total exceder o tempo disponível? Mesmo se você diminuir os números e tentar acreditar que, de repente, você estará mais rápido e mais focado do que nunca, pode apostar que o total excederá o número de horas de um dia.

  • Suas listas de afazeres estão incompletas

    Suas listas não apenas são muito longas, como também são incompletas. Pense nisso. Você incluiu tempo suficiente para reuniões, e-mails e ligações? Perguntas de seus clientes e funcionários? Tempo para dormir, comer, exercitar-se, relaxar e telefonar para a sua mãe? Procurar por pessoas e senhas? Reinicializar, corrigir datas de expiração de cartões de crédito, esperar? Encare: não há horas suficientes em um dia!

  • Está na hora de aceitar que você não irá terminar tudo

    Se você acreditar que pode – ou que precisa! – terminar tudo, você ficará frustrado e ineficiente. Quanto mais tempo você ficar em negação, mais tempo você passará evitando tomar decisões difíceis sobre suas prioridades.

Você não pode gerenciar o tempo, você pode apenas gerenciar você mesmo

Cada dia tem 24 horas. Você não pode mudar isto. Se você focar em gerenciar o tempo – buscando por sistemas, listas e ferramentas – você estará ignorando o real problema: gerenciar a você mesmo.

Comentários
Topo