Fotos

Os banhos de spa mais bizarros do Japão

Há diversos tipos de tratamentos para a pele. Spas ao redor do mundo usam diferentes – e curiosos – ingredientes, como chocolate e mel, em busca da melhor forma de cuidados.

VEJA TAMBÉM: 8 profissões bizarras ao redor do mundo

Eis que o Yunessun Spa, no Japão, decidiu inovar no assunto e criou banhos, no mínimo, diferentes. Entre as principais atrações da casa estão as banheiras de vinho, café e até macarrão instantâneo.

Para entrar na área, que mais parece um parque aquático com espaço para nudez, um adulto paga até 4.000 ienes (cerca de R$ 120) e crianças, a metade.

E MAIS: 9 comidas bizarras ao redor do mundo

Veja na galeria de fotos os banhos de spa mais bizarros do Japão:

  • Macarrão instantâneo

    Sim, a casa usa caldo de porco com macarrão sintético em banheiras enormes para as pessoas entrarem. Segundo o estabelecimento, o caldo, combinado ao macarrão artificial, melhora o metabolismo e a pele.

  • Saquê

    Não poderia faltar a bebida mais popular do país. O banho de saquê promete suavizar a pele. Só não pode beber durante a experiência.

  • Vinho

    O spa tirou a inspiração de Cleópatra, rainha do Egito Antigo que, reza a lenda, costumava tomar banhos de vinho para rejuvenescer. A banheira é abastecida com uma garrafa gigante de 3,6 m.

  • Chá verde

    Com uma chaleira de 2 m, o chá usado é produzido na região. O spa afirma que o segredo é o uso de catequina, um poderoso antioxidante.

  • Café

    O banho com café promete dar a mesma sensação de tomar a bebida. Ou seja, as pessoas voltam mais revigoradas após mergulharem em águas quentes com café.

  • Banho romano

    Em uma grande sauna, a banheira mistura água quente e gelada, como era feito na Roma Antiga. Segundo o spa, a mistura de temperaturas faz bem para a saúde.

Macarrão instantâneo

Sim, a casa usa caldo de porco com macarrão sintético em banheiras enormes para as pessoas entrarem. Segundo o estabelecimento, o caldo, combinado ao macarrão artificial, melhora o metabolismo e a pele.

Comentários
Topo