Fotos

7 lições de pessoas que ganharam na loteria e perderam tudo

Três vencedores, da Califórnia, do Tennessee e da Flórida, dividirão o prêmio de US$ 1,5 bilhão da loteria Powerball, dos Estados Unidos, cujo sorteio ocorreu ontem (13). Cada vencedor ganhará US$ 528,8 milhões se optarem por receber pagamentos anuais ao longo de 30 anos, ou US$ 327,8 milhões se optarem por receber tudo de uma só vez.

Há dois tipos de ganhadores da loteria: aqueles que aumentam sua riqueza, investem no futuro, ajudam outras pessoas e organizações e economizam dinheiro o suficiente para deixar para os herdeiros; e aqueles que se descontrolam e perdem todo o dinheiro rapidamente.

LISTA: 12 países com as maiores perdas em jogos de azar de 2014

Não importa se você tem ou não o costume de apostar na loteria: todo mundo pode aprender um pouco com essas pessoas cujas vidas mudaram para pior quando os sonhos de loteria se tornaram realidade.

MAIS DICAS: 7 coisas para fazer se você ganhar na loteria

Veja na galeria de fotos sete lições de pessoas que ganharam na loteria e perderam tudo:

  • Escolha com cuidado seus consultores financeiros

    Abraham Shakespeare ganhou US$ 17 milhões de um total de US$ 30 milhões, em 2006. Ele se tornou amigo de uma mulher, DeeDee More, que disse que o ajudaria a “proteger” seu dinheiro de amigos e familiares que estavam pedindo ajuda. Ela, então, convenceu-o a transferir o dinheiro para a conta dela e, depois, matou-o. Ela foi condenada à prisão perpétua sem direito a condicional.

  • Atualize seu testamento regularmente

    Dono de uma lavanderia em Chicago, Urooj Khan ganhou US$ 1 milhão na loteria e, no dia seguinte, foi envenenado com cianeto. A família lutou por seus ganhos, que foram, no fim, dados à sua viúva e à sua filha.

  • Tenha o melhor seguro que você puder pagar

    Suzanne Mullins, do Estado da Virginia, ganhou US$ 4,2 milhões em 1993 e optou por receber seu prêmio em pagamentos anuais, em vez de uma vez só. Seu filho, que estava muito doente, acumulou US$ 1 milhão em despesas médicas, que ela pagou. Quando o dinheiro estava acabando, ela pediu emprestado a uma fundação dedicada a ganhadores da loteria, mas nunca pagou de volta. Ela gastou o resto de seus ganhos e acabou falida e devendo mais de US$ 150.000 à fundação, após ter sido processada por não pagar o empréstimo.

  • Pague seus impostos

    Alex e Rhoda Toth, da Flórida, ganharam US$ 13 milhões e passaram a viver como milionários, hospedando-se nos mais caros quartos de hotel de Las Vegas e apostando a noite toda. Além de terem dado muito dinheiro a membros da família, eles preencheram declarações de impostos falsas por três anos seguidos. Alex morreu um pouco antes de seu julgamento, em 2008, e Rhoda foi presa.

  • Pratique dizer “não”

    Billie Bob Harrell, um homem que frequentava a igreja, ganhou uma bolada de US$ 31 milhões e deu dinheiro a todos que pediram. Ele faliu logo em seguida e confessou a seu consultor financeiro que ganhar foi a pior coisa que lhe aconteceu. Logo depois, ele se matou.

  • Mantenha suas promessas

    Um cliente dava regularmente bilhetes de loteria a Tonda Lynn Dickerson e a outra garçonete que trabalhava com ela em uma lanchonete no Alabama. As duas tinham um combinado de que, caso uma ganhasse, eles dividiriam o prêmio. Porém, quando Tonda ganhou US$ 5 milhões, quis tudo para ela. O castigo não demorou, e ela foi multada pela receita federal norte-americana em US$ 771.570 após ter formado uma corporação e dado 51% de seus ganhos à família.

  • Invista em ações que valorizam

    Evelyn Adams, que ganhou dois prêmios de loteria em New Jersey, que somavam cerca de US$ 5,4 milhões, apostou cada centavo da bolada recebida. Hoje, ela vive em um trailer modesto.

Escolha com cuidado seus consultores financeiros

Abraham Shakespeare ganhou US$ 17 milhões de um total de US$ 30 milhões, em 2006. Ele se tornou amigo de uma mulher, DeeDee More, que disse que o ajudaria a “proteger” seu dinheiro de amigos e familiares que estavam pedindo ajuda. Ela, então, convenceu-o a transferir o dinheiro para a conta dela e, depois, matou-o. Ela foi condenada à prisão perpétua sem direito a condicional.

Comentários
Topo