Fotos

Casa mais cara em San Francisco está à venda por US$ 28 milhões

Uma mansão em Pacific Heights, em San Francisco, entrou recentemente no mercado imobiliário por US$ 28 milhões, o que a torna a casa mais cara à venda na cidade. Com fachada simples e de bom gosto, a propriedade com sete suítes, piscina e terraço oferece vistas incríveis da baía e da ponte Golden Gate.

VEJA TAMBÉM: 11 hospedagens de ultraluxo para alugar no Airbnb

Se encontrar um comprador, esta será a sexta venda de imóvel mais cara da história de San Francisco, de acordo com o corretor da Coldwell Banker Malin Giddings. Veja na galeria de fotos mais detalhes da mansão:

  • Fachada

    Com uma fachada simples e de bom gosto, a mansão ocupa 840 m². A entrada do prédio mantém sua estrutura original restaurada, com adornos esculpidos à mão, meticulosamente recuperados para a condição original. Em alguns lugares onde elementos estavam danificados, o gesso foi moldado para recriar os formatos originais.

  • Vista

    A casa oferece vistas incríveis da Baía de San Francisco e da ponte Golden Gate, graças à planta aberta e às gigantes janelas.

  • Escadaria

    No interior, há sete quartos, sete banheiros, três lavabos, quatro lareiras, elevador, terraço e uma escada em espiral com corrimãos de vidro que cria uma entrada dramática.

  • Suíte principal

    O quarto principal foi posicionado para tirar vantagens das vistas de água, ponte Golden Gate, Alcatraz, Angel Island e montanhas.

  • Spa

    O andar superior é dedicado a um spa, com uma sauna no interior e uma piscina com borda infinita no exterior, com uma das melhores vistas da cidade.

  • Criação

    A casa foi criada pelo arquiteto local James Francis Dunn para James Madison, um homem que ganhou uma fortuna na indústria de embalagens com a empresa Alaska Salmon.

  • História

    Durante a Segunda Guerra Mundial, a casa foi transformada em um prédio de apartamentos para acomodar soldados feridos e assim permaneceu até alguns anos atrás, quando foi adquirida por uma família que planejava renová-la e viver lá. Apesar de eles terem decidido não ficar, os planos de renovação continuaram.

  • Renovação

    Os proprietários atuais contrataram o arquiteto Paul McClean, do escritório de Los Angeles McClean Design, para transformar este local antigo em uma casa de família.

Fachada

Com uma fachada simples e de bom gosto, a mansão ocupa 840 m². A entrada do prédio mantém sua estrutura original restaurada, com adornos esculpidos à mão, meticulosamente recuperados para a condição original. Em alguns lugares onde elementos estavam danificados, o gesso foi moldado para recriar os formatos originais.

Comentários
Topo