Fotos

12 melhores maratonas para fazer turismo

O corredor britânico campeão mundial e olímpico Mo Farah correu cerca de 10 mil metros em apenas 27 minutos e trinta segundos para conquistar a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012. Em pouco tempo, ele estará no Rio de Janeiro para, novamente, defender seu título.

VEJA MAIS: 12 cidades mais indicadas para solteiros nos Estados Unidos

Aos que admiram e são fãs da corrida e do bem-estar que a prática do esporte traz, o Guia de Viagem FORBES selecionou as 12 melhores maratonas para se fazer junto com turismo. Para quem ainda não colocou em prática a meta de “se exercitar mais”, 2016 ainda dá tempo!

Veja na galeria de fotos abaixo sugestões que vão da Califórnia até a China:

  • Big Sur International Marathon

    Onde: Califórnia, Estados Unidos

    Quando: 24 de abril

    Enquanto Nova York e Boston têm corridas bastante famosas e de grande prestígio, a de Big Sur possui um cenário diferente de todas as outras. É a maior maratona rural do mundo e proporciona vistas espetaculares sobre o oceano. Tem um caminho bastante suave no início e as dificuldades começam a aparecer depois de 15 km já percorridos, quando é preciso enfrentar uma subida de 170 metros.

  • Maratona di Roma

    Onde: Roma, Itália

    Quando: 10 de abril

    Deve, certamente, haver algo mágico sobre correr pelas redondezas do Coliseu. Dizemos isso por não estarmos certos de que há outra sensata explicação para os mais de 11 mil maratonistas e outros 50 mil participantes (nos primeiros 5km) que tomaram as ruas da capital italiana em 2015.

    Em 2016, a maratona comemorará sua 22ª edição e também passará por famosas atrações históricas e turísticas, como a Basília de Saint Paul e também pelo castelo de Sant’Angelo.

  • Rock ‘n’ Roll Las Vegas Marathon

    Onde: Las Vegas, Estados Unidos

    Quando: 13 de novembro

    Da mesma forma como todas as outras corridas na “cidade do pecado”, essa também proporcionará música ao vivo aos participantes. Bandas como Kissed Alive e Count’s 77 ajudarão os corredores a terem forças para o percurso. Também não dá pra esquecer que sempre tem um grande nome lhe esperando na linha de chegada. O deste ano ainda não foi divulgado…

  • Maratona Rio de Janeiro

    Onde: Rio de Janeiro, Brasil

    Quando: 29 de maio

    Mo Farah e alguns outros competidores do atletismo só começarão virão ao país a partir de agosto, mas este, certamente, seria um bom aquecimento para as Olimpíadas. O percurso do Recreio à Copacabana pode ser um dos mais bonitos já corridos por alguém.

  • Maratona Vancouver BMO

    Onde: Vancouver, Canadá

    Quando: 1 de maio

    Competidores de mais de 50 países se reunirão em Vancouver para a 45ª edição desta corrida. O percurso dela te levará a mais de 12 bairros, seis praias, três parques e o caminho mais longo pela orla mais ininterrupta do mundo. A melhor parte de tudo é a vista, que vai de montanhas cobertas por neve às cerejeiras mais belas. Para 2016, organizadores acrescentaram 2.5 km de caminhada para encorajar ainda mais a população a participar.

  • Maratona Virgin Money

    Onde: Londres, Inglaterra

    Quando: 24 de abril

    A corrida de Londres terá um marco especial no ano de 2016, mas ele ainda não foi divulgado. Para saber mais, aparentemente, você terá que passar pelos principais pontos turísticos da cidade até chegar ao palácio de Buckingham. Vale também a pena prestar atenção nos corredores fantasiados – nos últimos anos, pinguins, ônibus ingleses e caracóis foram encontrados.

  • Maratona Great Wall

    Onde: Pequim, China

    Quando: 21 de maio

    Inesquecível e uma das mais difíceis do mundo – o que sem dúvida vale a pena enfrentar para depois poder dizer que percorreu o patrimônio mundial. É uma subida íngreme do começo ao fim. A rota se funde à Muralha da China e passa por caminhos tortuosos, mas lindos.

  • Meia Maratona de Nantucket

    Onde: Massachussets, Estados Unidos

    Quando: 9 de outubro

    É um percurso de 21 km geralmente feito por menos de 400 pessoas, pois a cidade é extremamente pequena. A meia maratona passa pela Costa Leste norte-americana, atravessa estradas de terra e de areia, conta com ciclovias arborizadas e ruas que dão vista ao Oceano Atlântico.

  • Maratona Riviera Francesa

    Onde: Riviera Francesa, França

    Quando: 13 de novembro

    Se você realmente perder o fôlego, a paisagem da Riviera Francesa com certeza dará conta disso. São palmeiras e, ao mesmo tempo, montanhas cobertas de neve. Vale também bastante a pena aproveitar a viagem e conhecer um pouco de Cannes ou de outras maravilhas do Mediterrâneo. É uma lição de história, de arquitetura e de arte.

  • Maratona Schneider Electric

    Onde: Paris, França

    Quando: 3 de abril

    Uma das maiores maratonas do mundo é capaz de reunir mais de 60 mil corredores na capital francesa. Com o início sempre marcado aos pés do Arco do Triunfo, o trajeto percorre toda a cidade-luz ao longo da Champs-Élysées, segue o Rio Sena e trilha pelos mais diversos pontos turísticos e históricos.

  • BMW Berlin-Marathon

    Onde: Berlim, Alemanha

    Quando: 25 de setembro

    Berlim comporta uma das principais maratonas da Europa e reúne mais de 45 mil participantes na capital alemã. Uma série de bandas ao vivo que vão do clássico ao samba (sim!) fazem a energização da maratona.

  • Maratona Kaiser Permanente Napa Valley

    Onde: Califórnia, Estados Unidos

    Quando: 6 de março

    Enquanto as viagens à Napa são, no geral, para conhecer os vinhos, esta corrida pode também se tornar um bom motivo para visitar a região. A maratona tem um trajeto desenhado sobre os planos campos de vinhas e declive que atinge cerca de 115 metros acima do nível do mar.

Big Sur International Marathon

Onde: Califórnia, Estados Unidos

Quando: 24 de abril

Enquanto Nova York e Boston têm corridas bastante famosas e de grande prestígio, a de Big Sur possui um cenário diferente de todas as outras. É a maior maratona rural do mundo e proporciona vistas espetaculares sobre o oceano. Tem um caminho bastante suave no início e as dificuldades começam a aparecer depois de 15 km já percorridos, quando é preciso enfrentar uma subida de 170 metros.

Comentários
Topo