Fotos

Melhores carros já vendidos pela empresa de leilões Barrett-Jackson

Tudo começou com um anúncio de classificados de um Cadillac V-16 Town Car 1933. Em 1960, um colecionador de carros chamado Russ Jackson respondeu ao anúncio de Tom Barret em um jornal de Arizona dizendo ter interesse em comprar o Town Car. Eles nunca chegaram a um acordo sobre o preço, mas começaram uma amizade que levaria ao que um dia criaria a empresa de leilões de carros Barrett-Jackson Classic Car Auction.

Em 1967, Barret e Jackson organizaram um salão de automóveis para levantar fundos para a caridade no Scottsdale Stadium, no Arizona, chamado de “Fiesta del Auto Elegance.” Em 1972, um evento de dois dias de carros clássicos foi organizado em um terreno ao lado do Safari Resort. O evento teve a visita de 3.000 pessoas e levantou US$ 600.000 em receita. Isso inclui a venda do Mercedes Benz 770 K blindado de Adolf Hitler por US$ 153.200.

VEJA TAMBÉM: Hyundai Elantra melhora segurança e baixa preço

Em 1990, o evento anual já havia crescido para 60.000 espectadores. Porém, em 1993 veio a tragédia: Russ Jackson morreu de câncer de cólon. Em março de 1997, Craig Jackson comprou as partes de Tom Barrett e seu filho por US$ 1,5 milhão. Dois anos depois, os Barretts processaram os Jacksons por não terem pagado o valor real das participações. O processo não foi bem-sucedido, os Jacksons mantiveram seu controle sobre o leilão. Em 2004, Tom Barrett morreu de um ataque no coração, e depois, em 2005, durante o terceiro leilão Annual Palm Beach, o então Barrett-Jackson Classic Car Auction foi renomeado para Barrett-Jackson Collector Car Auction.

Desde seu início humilde, a Barrett-Jackson expandiu continuamente todos os anos. Hoje, é famosa por seus carros inacreditáveis e atrações de celebridades e pessoas influentes no mundo. Tendo crescido de suas raízes de Scottsdale, agora tem também leilões anuais em Palm Beach, Las Vegas, Orange County e Uncasville.

MAIS FOTOS: Nova BMW Alpina B7 combina performance e elegância

Porém, o leilão original em Scottsdale continua a atrair mais espectadores todos os anos e tem vendido os veículos mais magníficos já construídos. Veja na galeria de fotos os carros mais legais vendidos na Barret-Jackson Collector Car Auction:

  • Carro-conceito 1954 Oldsmobile F-88

    Valor: US$ 3.230.000

    Um dos apenas quarto carros-conceito sobreviventes, este automóvel dos sonhos de Harley Earl usou o chassi de um Corvette clássico. O veículo tinha um motor V8 Super 88 5.3 e corpo de fibra de vidro. E.L. Cord, do museu automotivo Auburn-Cord-Duesenberg, adquiriu o carro em 1955. Foi vendido em um leilão a John e Maureen Hendricks em 2005.

  • Cupê de duas portas 1967 Chevy Corvette L-88

    Valor: US$ 3.850.000

    Criado para superar a performance de qualquer outro carro nas pistas de corrida, este veículo foi o único dos 20 L-88s a ser produzido em vermelho e a ganhar o prêmio de melhor restauração de Corvette no NCRS Duntov Mark of Excellece Award 2001. O carro de 430 cavalos de potência foi vendido em um leilão em 2014.

  • Ônibus de turismo 1950 General Motors Futurliner “Parade of Progress”

    Valor: US$ 4.320.000

    Criado pela equipe da GM sob a direção de Harley Earl, o Futurliner Tour Bus foi um dos 12 usados por “Boss” Kettering no “Parade of Progress”, um tour dos Motoramas de 1940 a 1956. Este era um dos três sobreviventes dos ônibus restaurados do tour. Comprado em 2006 por Ron Pratt, que o restaurou para incluir um novo conjunto de pneus produzidos com as modificações corretas, foi mais tarde colocado em leilão em 2015.

  • 1966 #01 Batmóvel

    Valor: US$ 4.620.000

    Desenhado por George Barris, o altamente reconhecível clássico Batmóvel era originalmente um carro-conceito Lincoln Futura 1955. O veículo levou três semanas para ser produzido e continha um motor V8 de 390 cilindradas. Originalmente avaliado em US$ 125.000 após US$ 30.000 em modificações, o carro foi vendido a George Barris em 1965 por apenas US$ 1. Em 2013, George vendeu o carro em um leilão a Rick Champagne por US$ 4.620.000.

  • 1966 Shelby Cobra 427 Super Snake

    Valor: US$ 5.500.000

    O único do seu tipo a sobreviver, o Shelby Cobra Super Snake foi desenhado pelo piloto de corridas Carroll Shelby após um problema no coração o impedir de correr. Um de dois carros criados, esse era o veículo pessoal de Shelby. O segundo carro foi destruído em um acidente de carro que matou seu dono. Baseado no conversível britânico A.C. Ace e o novo motor da Ford V8 de 260 cilindradas, este carro de 800 cavalos de potência era originalmente um conversível de competição, e mais tarde foi convertido em um veículo de semi competição em 1967.

Carro-conceito 1954 Oldsmobile F-88

Valor: US$ 3.230.000

Um dos apenas quarto carros-conceito sobreviventes, este automóvel dos sonhos de Harley Earl usou o chassi de um Corvette clássico. O veículo tinha um motor V8 Super 88 5.3 e corpo de fibra de vidro. E.L. Cord, do museu automotivo Auburn-Cord-Duesenberg, adquiriu o carro em 1955. Foi vendido em um leilão a John e Maureen Hendricks em 2005.

Comentários
Topo