Fotos

10 rios mais longos do mundo e como atravessá-los

O comprimento de um rio é definido como a distância entre o afluente mais distante e a foz. Medir isso pode ser muito difícil. Assim, a medida do comprimento de muitos rios é apenas uma aproximação. Por muito tempo, há opiniões dispersas, por exemplo, sobre qual seria o rio mais longo do mundo: o Nilo ou o Amazonas.

VEJA TAMBÉM: Todo o luxo por trás dos bangalôs mexicanos no meio do mar

De quantos dos mais longos rios do mundo você já ouviu falar? Veja na galeria de fotos:

  • 1º) Nilo

    Onde: África

    Comprimento: 6.695 km

    Cruzando uma dúzia de países, o Nilo é o rio mais extenso do mundo. Das janelas de um navio é possível ver paisagens que permanecem as mesmas desde que a Cleópatra andou pelas margens. Os monumentos mais importantes ficam localizados perto do Nilo, que permanece sendo a fonte primária de água do Egito. A maioria dos cruzeiros pelo Nilo navegam entre as cidades egípcias de Assuão e Luxor, parando para visitas aos templos de Kom Ombo, Edfu e Esna – uma jornada de 200 km cheia de riquezas arqueológicas. Apesar de o número de visitantes ter sido afetado por conflitos e insegurança, há ainda muitas opções.

  • 2º) Amazonas

    Onde: América do Sul

    Comprimento: 6.516 km

    Nascendo nos Andes Peruanos, o Amazonas é o maior rio do mundo em volume: com uma descarga de 209.000 metros cúbicos por segundo, o rio tem um quinto do suprimento de água doce do mundo. Seu trecho mais célebre corre pela floresta amazônica, onde a flora densa e tropical é a principal atração. Os tours mais imersivo levam os turistas para ver aldeias que parecem ter parado no tempo e a fauna colorida. A “Sunvil Latin America” oferece um itinerário de nove noites que inclui duas noites em Quito, no Equador, e um cruzeiro de quatro noites pelo rio.

  • 3º) Yangtzé

    Onde: China

    Comprimento: 6.418 km

    “Se você ainda não esteve no Yangtzé, você não esteve em lugar algum”, diz um antigo provérbio chinês. O rio mais longo da Ásia corre das geleiras do Planalto de Tibete no leste, passa pelo sudoeste, centro e leste da China até desembocar no Mar da China Oriental. Ele margeia dez províncias chinesas e, apesar de hoje as riquezas do Yangtzé virem principalmente de seu grande potencial hidrelétrico, ele já serviu por muito tempo como fonte de comida e água para irrigar os campos de arroz. Locais bucólicos para serem observados do navio incluem a Purple Mountain de Nanjing. A “Wendy Wu Tours” oferece uma variedade de itinerários que inclui navegar pelo Yangtzé.

  • 4º) Mississippi

    Onde: Estados Unidos

    Comprimento: 6.270 km

    O rio mais longo da América do Norte toca um impressionante número de estados: com um afluente distante em Montana, corre pelo norte de Minnesota, depois flui por Wisconsin, Iowa, Illinois, Missouri, Kentucky, Tennessee, Arkansas, Mississippi e Luisiana, exibindo algumas das paisagens mais dramáticas dos Estados Unidos. Com visitas a plantações de antes da guerra, campos de batalha históricos, singulares cidades do sul e cidades icônicas como Baton Rouge, a rota oferece muito em termos de história e cultura. A “American Queen Steamboat Company” oferece navegações nas seções alta e baixa do rio.

  • 5º) Ienissei

    Onde: Mongólia e Rússia

    Comprimento: 5.539 km

    O Ienissei corre para o norte, da Mongólia ao Golfo do Ienissei e, finalmente, no Oceano Ártico. A maior parte de seu curso é através das brancas paisagens da Sibéria. Porém, em Krasnoyarsk, na Rússia, é possível aproveitar um pouco de calor – as temperaturas podem chegar a 30°C no verão, antes de caírem para -30°C no inverno. Cruzeiros curtos são disponíveis em embarcações locais.

  • 6º) Rio Amarelo

    Onde: China

    Comprimento: 5.464 km

    Com sua fonte nas Bayan Mountains, uma cadeia na região centro-sul da província de Qinghai, na China, o Rio Amarelo corre por nove províncias chinesas. Estas regiões estavam entre as mais prósperas da China e os chineses reconhecem o Rio Amarelo como o berço da nação. Entusiastas da natureza e da vida ao ar livre e aqueles em busca de novas culturas vão achar muitos atrativos. As cidades ao longo da rota incluem Lanzhou, Zhongwei, Baotou, Yan’an, Luoyang, Zhengzhou e Kaifeng. As cidades anciãs de Yinchuan e Kaifeng já foram capitais e ambas carregam marcas de dinastia. Empresas de navegação locais operam de muitas destas cidades.

  • 7º) Ob-Irtysh

    Onde: Rússia

    Comprimento: 5.414 km

    Este rio corre pela Sibéria ocidental de sua fonte nas Montanhas Altai para acabar no Golfo do Ob. A primeira cidade em seu curso é Barnaul, uma joia escondida na Sibéria de onde é possível explorar as montanhas em uma distância de duas horas. Outro destaque é Novosibirsk, a terceira maior cidade da Rússia, e é uma ótima vitrine da arquitetura industrial da União Soviética. Opções de cruzeiros pelo rio dificilmente chegam a esta região. No entanto, a especialista “InTourist” oferece itinerários que incorporam a cidade de Omsk nas margens do Ob.

  • 8º) Paraná

    Onde: América do Sul

    Comprimento: 4.880 km

    O oitavo rio mais longo do mundo forma uma fronteira natural entre Paraguai e Brasil e entre Paraguai e Argentina. Da pequena cidade de Encarnación, no lado paraguaio do rio, é possível ver as casas coloridas de madeira de Posadas, na Argentina. E, de Posadas, é possível olhar de volta para Encarnación e suas ruínas preservadas de um antigo assentamento judaico. Vá de Buenos Aires a pequena cidade portuária de Tigre, onde é possível entrar em uma pequena embarcação para um tour de um dia. Alguns tours levam até a restaurantes em ilhas escondidas.

  • 9º) Congo

    Onde: África

    Comprimento: 4.700 km

    Este rio começa nos planaltos do nordeste da Zâmbia, e continua em uma curva em sentido anti-horário, passando pelos países República do Congo, República Democrática do Congo, República Centro-Africana, Angola, Tanzânia, Camarões, Zâmbia, Burundi e Ruanda. Destaques incluem as Cataratas Boyoma, em Kisangani, no Congo, e o antigo porto de Matadi, fundado pelo jornalista e explorador galês Sir Henry Morton Stanley, em 1879. O rio desemboca no Oceano Atlântico, no norte de Angola. A melhor forma de visitar o rio é um cruzeiro combinado a uma estadia em um hotel no estilo safári.

  • 10º) Amur

    Onde: China e Rússia

    Comprimento: 2.824 km

    O décimo maior rio do mundo cresce nas montanhas do oeste da Machúria, na China, da confluência de seus dois maiores afluentes, Shika e Ergune, e flui para o leste formando a fronteira entre China e Rússia. As cidades ao longo do Amur oferecem uma rara visão das vidas de regiões inabitadas de fronteiras: igrejas ortodoxas a uma mera ponte de distância dos templos chineses. Muitas empresas locais operam tours em cidades como Khabarovsk.

1º) Nilo

Onde: África

Comprimento: 6.695 km

Cruzando uma dúzia de países, o Nilo é o rio mais extenso do mundo. Das janelas de um navio é possível ver paisagens que permanecem as mesmas desde que a Cleópatra andou pelas margens. Os monumentos mais importantes ficam localizados perto do Nilo, que permanece sendo a fonte primária de água do Egito. A maioria dos cruzeiros pelo Nilo navegam entre as cidades egípcias de Assuão e Luxor, parando para visitas aos templos de Kom Ombo, Edfu e Esna – uma jornada de 200 km cheia de riquezas arqueológicas. Apesar de o número de visitantes ter sido afetado por conflitos e insegurança, há ainda muitas opções.

Comentários
Topo