Carreira

5 maiores erros de startups e como evitá-los

Não importa a indústria ou a sua experiência, o lançamento de um nova empresa é um empreendimento arriscado e qualquer pequeno erro pode fazer uma grande diferença no sucesso do seu negócio.

FORBES selecionou dicas valiosas de fundadores de startups que fizeram de suas empresas negócios bem sucedidos.

Veja na galeria de fotos as dicas para não cometer erros e maneiras de evitá-los:

  • Ignorar pesquisas

    “É fácil confundir uma ideia com um bom negócio. Ideias são comuns.O que transforma uma grande ideia em um grande negócio é a execução, e uma etapa fundamental da execução é a pesquisa de mercado. Ignorar as pesquisas e seus resultados pode te levar rapidamente ao fracasso. Você pode ter uma grand ideia, mas o mercado pode não estar completamente pronto. Ou talvez sua ideia não é tão original como você pensou. Não pense que uma ideia é tudo que você precisa para construir um negócio viável. Se o fizer, pelo menos teste essa afirmação com uma investigação sólida e independente.” Ajay Patel, fundador e CEO, HighQ

  • Forçar um modelo

    “Não basta copiar a última moda. Pense grande e faça diferente.Um modelo feito para filmes pode não funcionar para livros ou um aplicativo de compartilhamento de fotos pode não funcionar como um aplicativo de compartilhamento de video. Você não pode presumir que um determinado modelo irá trabalhar bem em diferentes modos e industrias. Em primeiro lugar, descubra o que os consumidores realmente precisam, em seguida, descubra a melhor maneira de entregar isso a eles. Muitas startups tentam forçar um modelo para caber em uma suposta “necessidade”. Antes de fazer qualquer coisa, é essencial descobrir se os consumidores realmente querem seu produto ou serviço.” Jeff Chen, co-fundador e CEO, Joyride

  • Supervalorizar opniões positivas

    “Há uma tendência de CEO de empresas que estão no inicio de supervalorizar opiniões positivas. As pessoas podem dizer coisas horríveis sobre o seu produto, mas até que elas comprem tudo que você terá será palavras gentis. Infelizmente esse encorajamento pode não significar nada e muitas vezes pode levar para o caminho errado. Se as pessoas olham seu produto mas não estão animadas o suficiente para para comprar, você criou algo intrigante mas não convincente. O ecossistema das startups está repleto de cadáveres de iniciativas intrigantes mas que não se desenvolveram no mercado. Para ser um bom empreendedor no inicio você deve manter o foco em criar produtos realmente necessários.” Marius Moscovici, fundador e CEO, Metric Insights

  • Más contratações

    “Estamos sempre à procura de grandes pessoas e é incrivelmente difícil determinar o quanto talento e dedicação uma pessoa tem. Uma das melhores maneiras de saber mais sobre quem você pretende contratar é entrar em contato com suas referências. Se o candidato não colocou como referência um antigo empregador, especialmente o chefe, isso não é um bom sinal. Contrate alguém cujo ex-chefe diga “Contrate-o imediatamente, eu gostava quando ele estava aqui!” e você terá uma equipe realmente qualificada para o sucesso.” Matt Finneran, co-fundador, Sparkcentral

  • Ir rápido demais

    “Um dos maiores problemas que enxergo em startups é a tentativa de promover seus produtos antes mesmo de eles estarem prontos para ir ao mercado. Falam em impulsionar suas marcas, mas fazer isso com uma ideia que ainda não está pronta pode trazer um sério dano a ela. Veja os indicadores de performance, eles ajudam a responder uma pergunta importante: ‘o seu produto atende à demanda pela qual ele foi contratado’ muitas empresas tentam se promover antes de responder a isso, o que acaba as prejudicando.” – Jordan Wright, Cofundador e CEO,Comfy

Ignorar pesquisas

“É fácil confundir uma ideia com um bom negócio. Ideias são comuns.O que transforma uma grande ideia em um grande negócio é a execução, e uma etapa fundamental da execução é a pesquisa de mercado. Ignorar as pesquisas e seus resultados pode te levar rapidamente ao fracasso. Você pode ter uma grand ideia, mas o mercado pode não estar completamente pronto. Ou talvez sua ideia não é tão original como você pensou. Não pense que uma ideia é tudo que você precisa para construir um negócio viável. Se o fizer, pelo menos teste essa afirmação com uma investigação sólida e independente.” Ajay Patel, fundador e CEO, HighQ

Comentários
Topo