Fotos

Os bilionários por trás das marcas do seu dia a dia

O Facebook é a rede social mais popular do planeta. Embora nenhuma das milhões de pessoas que acessam o serviço diariamente paguem por ele, o portal já se mostrou o tanto quanto lucrativo. Uma prova disso é que seus três cofundadores figuram, há alguns anos, entre os homens mais ricos do mundo.

RANKING GERAL: 70 maiores bilionários do mundo em 2016

Marck Zuckerberg, Dustin Moskovitz e o brasileiro Eduardo Saverin estão em boas posições na lista de bilionários de FORBES. O primeiro, CEO da empresa, ocupa atualmente o sexto lugar do ranking, com um patrimônio avaliado em US$ 44,6 bilhões. Isso sem contar investidores, como Peter Thiel, que enriqueceram só de apostar no sucesso da companhia.

BRASIL: 31 maiores bilionários brasileiros

Como o Facebook, a maioria das marcas que passam pelo seu dia a dia, da comida que você come ao carro que você usa, tem um bilionário por trás. No Brasil, o trio Jorge Paulo Lemann, Marcel Herrmann Telles e Carlos Alberto Sicupira, sócios da 3G Capital, estão por trás de diversos tipos de produtos: de cervejas a redes de fast food.

VEJA TAMBÉM: O maior bilionário de cada país

Outro trio, este de irmãos, controla a maior rede de comunicação do país e uma das maiores do mundo. Cada um ostenta sua própria cifra de nove dígitos. Veja na galeria de fotos estes e outros bilionários por trás das marcas do seu dia a dia:

  • Airbnb

  • Bilionários

    Nathan Blecharczyk (US$ 3,3 bilhões)
    Brian Chesky (US$ 3,3 bilhões)
    Joe Gebbia (US$ 3,3 bilhões)

  • Apple

  • Bilionária

    Laurene Powell Jobs (US$ 16,7 bilhões)

  • Armani

  • Bilionário

    Giorgio Armani (US$ 6,1 bilhões)

  • BMW

  • Bilionários

    Susanne Klatten (US$ 18,5 bilhões)
    Stefan Quandt (US$ 15,6 bilhões)

  • Cervejas Antarctica, Brahma e Skol

  • Bilionário

    Jorge Paulo Lemann (US$ 27,8 bilhões)
    Marcel Herrmann Telles (US$ 13 bilhões)
    Carlos Alberto Sicupira (US$ 11,3 bilhões)

    Os três brasileiros, fundadores da 3G Capital, têm uma grande participações em diversas empresas que aparecem no dia a dia: na AB-Inbev, maior conglomerado de bebidas do mundo, com marcas como Budweiser, Corona, Stella Artois e Quilmes; na Kraft Heinz, uma das maiores empresas de alimentos do mundo, dona dos molhos Heinz e Quero;e na rede de fast food Buger King.

  • Chanel

  • Bilionários

    Alain Wertheimer (US$ 11 bilhões)
    Gerard Wertheimer (US$ 11 bilhões)

  • Dell

  • Bilionário

    Michael Dell (US$ 19,8 bilhões)

  • Facebook

  • Bilionários

    Mark Zuckerberg (US$ 44,6 bilhões)
    Dustin Moskovitz (US$ 8,9 bilhões)
    Eduardo Saverin (US$ 6,2 bilhões)

  • Google

  • Bilionários

    Larry Page (US$ 35,2 bilhões)
    Sergey Brin (US$ 34,4 bilhões)
    Eric Schmidt (US$ 10,2 bilhões)

  • Heineken

  • Bilionária

    Charlene de Carvalho-Heineken (US$ 12,3 bilhões)

  • Hyundai

  • Bilionário

    Chung Mong-Koo (US$ 4,3 bilhões)

  • Intel

  • Bilionário

    Gordon Moore (US$ 6 bilhões)

  • Itaipava

  • Bilionário

    Walter Faria (US$ 2,6 bilhões)

  • Lego

  • Bilionário

    Kjeld Kirk Kristiansen (US$ 13,1 bilhões)

  • L’Oréal

  • Bilionária

    Liliane Bettencourt (US$ 36,1 bilhões)

  • Louis Vuitton

  • Bilionário

    Bernard Arnault (US$ 34 bilhões)

    LVMH, conglomerado de luxo do francês, compreende ainda marcas como Bvlgari, Christian Dior, Hublot e os chamapanhes Dom Pérignon e Moët & Chandon.

  • Melissa

  • Bilionário

    Alexandre Grendene Bartelle (US$ 1,6 bilhão)

    A Grendene, uma das maiores fabricantes de sandália do planeta, da qual o brasileiro tem sociedade, também é dona das marcas Ipanema, Rider, entre outras.

  • M&M’s

  • Bilionários

    Forrest Mars Jr. (US$ 23,4 bilhões)
    Jacqueline Mars (US$ 23,4 bilhões)
    John Mars (US$ 23,4 bilhões)

    Conglomerado Mars é dono de outras marcas de doce, como Twix, Snickers e Skittles, e até de comidas para pets, como Pedigree e Whiskas.

  • Microsoft

  • Bilionários

    Bill Gates (US$ 75 bilhões)
    Steve Ballmer (US$ 23,5 bilhões)
    Paul Allen (US$ 17,5 bilhões)

  • NET

  • Bilionário

    Carlos Slim Helú (US$ 50 bilhões)

    América Móvil, conglomerado de telecomunicação do mexicano, é dono ainda da Claro e da Embratel no Brasil.

  • Nike

  • Bilionário

    Phil Knight (US$ 24,4 bilhões)

  • Nutella

  • Bilionária

    Maria Franca Fissolo (US$ 22,1 bilhões)

    Ferrero Group, conglomerado que a italiana herdou do falecido marido, Michele Ferrero, também está por trás de outras marcas famosas, como chocolates Kinder e o Tic Tac.

  • O Boticário

  • Bilionário

    Miguel Krigsner (US$ 1,6 bilhão)

  • Ralph Lauren

  • Bilionário

    Ralph Lauren (US$ 5,5 bilhões)

  • Ray-Ban

  • Bilionário

    Leonardo Del Vecchio (US$ 18,7 bilhões)

    Luxottica, conglomerado de óculos de luxo do italiano, também é dona de marcas como Oakley e tem os direitos da Armani e Valentino.

  • Red Bull

  • Bilionário

    Dietrich Mateschitz (US$ 13,2 bilhões)

  • Rede Globo

  • Bilionários

    João Roberto Marinho (US$ 4,3 bilhões)
    José Roberto Marinho (US$ 4,3 bilhões)
    Roberto Irineu Marinho (US$ 4,3 bilhões)

  • Samsung

  • Bilionário

    Lee Kun-Hee (US$ 9,6 bilhões)

  • Star Wars

  • Bilionário

    George Lucas (US$ 4,5 bilhões)

  • Starbucks

  • Bilionário

    Howard Schultz (US$ 2,9 bilhões)

  • TIM

  • Bilionário

    Xavier Niel (US$ 9 bilhões)

  • Twitter

  • Bilionário

    Jack Dorsey (US$ 1 bilhão)

  • Vitarella

  • Bilionário

    Francisco Ivens de Sá Dias Branco (US$ 2,1 bilhões)

    O conglomerado familiar é reponsável por outras marcas alimentícias, como Pilar, Fortaleza e Richester.

  • Walmart

  • Bilionários

    Jim Walton (US$ 33,6 bilhões)
    Alice Walton (US$ 32,3 bilhões)
    S. Robson Walton (US$ 31,9 bilhões)

    Além dos três principais herdeiros e, hoje, maiores acionistas, a família Walton ainda tem diversos nomes cuja fortuna provém da marca, como Lukas Walton (US$ 10,4 bilhões), Christy Walton (US$ 5,2 bilhões), Ann Walton Kroenke (US$ 4,5 bilhões) e Nancy Walton Laurie (US$ 4 bilhões).

  • WhatsApp

  • Bilionário

    Jan Koum (US$ 8,6 bilhões)

  • Zara

  • Bilionário

    Amancio Ortega (US$ 67 bilhões)

Airbnb

Comentários
Topo