Carreira

6 motivos pelos quais recrutadores não o contratam

Estar à disposição no mercado de trabalho, participar de grandes e significativos processos seletivos, ter interesse na vaga de emprego dos sonhos são alguns dos desafios enfrentados por qualquer pessoa inserida no mercado de trabalho. Mas nem sempre, por mais esforço que se faça, as coisas caminham como o esperado.

Existem alguns detalhes em que recrutadores estão sempre de olho, mas passam batido aos que não estão tão acostumados assim com os métodos e preferências das grandes companhias ou agências de emprego. Há recrutadores que verdadeiramente se importam com a frequência de atualizações das redes sociais de seus funcionários. Outros, dão uma atenção muito grande a empresa anterior de seus entrevistados.

LEIA TAMBÉM: 10 linguagens corporais que podem custar seu emprego

Veja na galeria de fotos abaixo alguns possíveis motivos pelos quais os recrutadores podem não querer o contratar:

  • Você é extremamente ausente nas redes sociais

    Recrutadores, quando selecionam candidatos para entrevista de emprego, sempre dão uma olhadinha em suas redes sociais – principalmente no LinkedIn. É importante, então, demonstrar um pouco de sua personalidade, seus gostos, experiências e companhias. Esteja certo que você não será chamado à vaga de emprego dos sonhos caso seja um desconhecido das redes sociais.

  • Seja mais direto ao se descrever

    Se você for um gerente geral ou estratégico ou tiver alguma função genérica, é difícil se encaixar em uma palavra-chave de pesquisas. Se o seu papel requer qualidades específicas (ex: linguagem de programação) ou atividades (captação de fundos) será mais fácil se encaixar numa palavra-chave. Você pode melhorar as suas chances ao incluir mais palavras-chaves. Se a função for genérica (ex: Gerente de Marketing) melhore a sua descrição com termos específicos que serão pesquisáveis (ex: marketing digital, mala direta, segmentação de clientes).

  • Seu emprego atual não é muito conhecido

    Muitos recrutadores buscam seus candidatos a partir dos nomes de grandes companhias. Se você é um daqueles que trabalha nas empresas que lideram o mercado, ou coisa do tipo, você certamente estará incluído em grandes processos seletivos e irá até o fim deles. Caso contrário, é preciso que você se empenhe e demonstre sua capacidade nas entrevistas de novos empregos.

  • Seu nome não está sob domínio público

    Se você diz em seu currículo, ou em entrevistas pessoais, que já publicou artigos, palestrou ou coisas assim, é preciso que o seu nome esteja disponível nos mecanismos de busca. Você precisa ser uma pessoa reconhecível, fácil de ser encontrada. E não só da boca pra fora.

  • Você não tem recomendações

    É muito mais fácil conquistar uma vaga em um processo seletivo quando se tem boas referências e indicações. O seu passado e como você atuou nele são características importantes e significativas para aqueles que recrutam.

  • Não há retorno

    Você pode achar que os recrutadores não ligam muito para isso, mas no momento em que eles entram em contato com você e não há retorno ou correspondência de expectativas, isso diminui as suas chances de conquistar a vaga.

Você é extremamente ausente nas redes sociais

Recrutadores, quando selecionam candidatos para entrevista de emprego, sempre dão uma olhadinha em suas redes sociais – principalmente no LinkedIn. É importante, então, demonstrar um pouco de sua personalidade, seus gostos, experiências e companhias. Esteja certo que você não será chamado à vaga de emprego dos sonhos caso seja um desconhecido das redes sociais.

Comentários
Topo