Fotos

Conheça o bairro de Peckham, o novo ponto hype de Londres

Assim como as regiões de Dalston e Shoreditch em Londres não eram muito famosas antes de grandes revitalizações, Peckham não era o local mais visitado da cidade. Mas isso foi antes da chegada dos artistas. Esse pequeno bairro no sul da capital inglesa seguiu os passos de muitos outros distritos antes de atrair estudantes das universidades de Goldsmiths e Camberwell, ambas nas proximidades da região.

VEJA MAIS: Londres investe em mercado de imóveis de luxo

A migração de visitantes abriu espaço para restaurantes, bares e galerias, que estão fazendo do local uma parada obrigatória para quem gosta de um clima descolado de bairro jovem. Veja na galeria de fotos os pontos mais altos do bairro:

  • O que fazer

    A melhor maneira de se envolver com a atmosfera artística do local é dar uma volta pela área multicultural e sentir o clima descontraído do bairro. Algumas localidades, no entanto, fazem valer a visita: a galeria contemporânea The Sunday Painter e o espaço multi-artístico The Bussey Building são exemplos de bons passeios.

    O The Sunday Painter foi aberto há alguns anos por dois alunos da Camberwell, Harry Beer e Will Jarvis, para expor o trabalho de artistas emergentes. É um ótimo local para se conectar ao cenário mais atual de arte do país.

    O The Bussey Building, também conhecido como CLF Art CAFÉ, tem um pequeno teatro, sessões de cinema e clubes noturnos que atraem grupos divertidos e jovens. O South London Soul Train, por exemplo, acontece nos primeiro e terceiro sábados do mês no local e é um ótimo evento para começar a conhecer a vida noturna da região. Outro ponto alto é a Rye Wax, uma loja de discos no porão do estabelecimento.

  • Onde beber

    O Peckham Springs é um bar divertido com uma vibe informal, perfeito para o público do bairro. Localizado nas proximidades da estação de trem Peckham Rye, o local começou como uma tenda de veraneio e agora abre de terças a sábados à noite. Os cocktails são fortes e servidos sem nenhum tipo de frescura. Para acompanhar, a melhor pedida são os hambúrgueres Patty & Bun.

  • Onde comer

    Conheça a típica cozinha nigeriana no 805, um restaurante familiar onde John Boyega levou Harrison Ford para almoçar durante as gravações do último filme da saga Star Wars. Localizado na Old Kent Road, o local serve pratos típicos como tilápia com banana frita, além de outras iguarias mais apimentadas. Peckham é o lar de uma das maiores comunidades nigerianas do Reino Unido.

  • Onde ficar

    O melhor local para se hospedar na região é o Four Season Hotel at Canary Wharf, à beira do rio Tâmisa, para o qual todos os 142 quartos têm vista. Para relaxar, é dar um mergulho na piscina indoor ou pedir uma massagem no spa River-View. Bem ao lado, uma quadra de tênis de clube particular recebe os hóspedes que queiram jogar uma partida.

O que fazer

A melhor maneira de se envolver com a atmosfera artística do local é dar uma volta pela área multicultural e sentir o clima descontraído do bairro. Algumas localidades, no entanto, fazem valer a visita: a galeria contemporânea The Sunday Painter e o espaço multi-artístico The Bussey Building são exemplos de bons passeios.

O The Sunday Painter foi aberto há alguns anos por dois alunos da Camberwell, Harry Beer e Will Jarvis, para expor o trabalho de artistas emergentes. É um ótimo local para se conectar ao cenário mais atual de arte do país.

O The Bussey Building, também conhecido como CLF Art CAFÉ, tem um pequeno teatro, sessões de cinema e clubes noturnos que atraem grupos divertidos e jovens. O South London Soul Train, por exemplo, acontece nos primeiro e terceiro sábados do mês no local e é um ótimo evento para começar a conhecer a vida noturna da região. Outro ponto alto é a Rye Wax, uma loja de discos no porão do estabelecimento.

Comentários
Topo