Carreira

10 coisas que não devem ser ditas na hora de pedir demissão

Ao decidir sair de uma empresa, é sempre importante saber o que falar na hora do anúncio. Por mais que o novo emprego pareça melhor ou por mais que o atual seja uma tortura, cortar laços permanentemente pode prejudicar sua carreira.

VEJA MAIS: 5 motivos que levam você a ser um workaholic

Tratar com respeito quem supervisiona o seu cargo e se despedir apropriadamente de seus colegas deixa uma boa impressão do profissional que está saindo da companhia.

Veja na galeria de fotos algumas atitudes que devem ser evitadas na hora de sair:

  • Não comemore a sua saída

    Caso existam situações complicadas dentro da empresa, não as espalhe entre os colegas. Quando perguntarem por que você está saindo, tenha respostas genéricas como “querer crescer” ou “buscar uma mudança na vida”. Seja neutro e profissional até o último minuto.

  • Não se desculpe

    Você não deve lamentar sua saída. Mesmo que o atual emprego seja muito bom, mudar sempre traz coisas positivas.

  • Você não é obrigado a contar para onde vai

    Caso o seu chefe pergunte para onde você está indo, não há a obrigação de contar, principalmente se o novo emprego for na concorrência.

  • Não faça promessas

    A pressão da saída pode levá-lo a aceitar que a empresa ligue quando um problema surgir, por exemplo. Não caia nessa! Se você quiser focar na nova companhia e no seu novo emprego, não autorize ligações deste tipo. Você provavelmente terá um tempo para treinar um novo funcionário. Depois disso, é responsabilidade da empresa encontrar respostas para os problemas que aparecerem.

  • Não assine nada sem ler

    Algumas empresas apresentam termos de desligamento que proíbem os ex-funcionários de contatarem clientes e fornecedores da companhia. Caso você esteja indo para um concorrente, isso pode gerar uma grande multa. Mostre todos os documentos solicitados a um especialista e só assine quando tiver certeza de que está de acordo com todas as cláusulas.

  • Não entregue seus colegas

    Alguns colegas mais próximos podem acabar sabendo que você está procurando outro emprego. Quando sair, não fale para seu chefe que eles sabiam. Isso pode soar mal aos ouvidos de um supervisor.

  • Não é necessário avaliar o seu emprego

    Alguns departamentos de RH gostam de fazer formulários de avaliação sobre a sua experiência naquela empresa. Não responda caso você não se sinta à vontade. Se a empresa está tão interessada em saber o que os funcionários pensam sobre seus empregos, faria as avaliações antes.

  • Não se entregue

    Caso o seu chefe queira saber há quanto tempo você estava procurando por um outro emprego, sinta-se à vontade para não responder. Diga coisas genéricas, como “de vez em quando eu olhava”. Supervisores não gostam de saber que seus funcionários passaram meses pesquisando sobre outras companhias.

  • Tome cuidado com a concorrência

    Caso a nova empresa esteja procurando por outros funcionários, não espalhe. Guarde a informação para seus colegas mais próximos e só conte caso esteja disposto a ajudar na contratação dessas pessoas.

  • Não aceite aumentos

    Se você já estiver com a nova proposta em jogo, não abra mão por um aumento ou uma promoção. O seu chefe poderia ter feito isso antes do anúncio da sua demissão, caso realmente quisesse recompensá-lo. Barganhar pela sua permanência na companhia mostra que você tem valor, mas revela também que a empresa não tem problemas em pagar menos do que você merece.

Não comemore a sua saída

Caso existam situações complicadas dentro da empresa, não as espalhe entre os colegas. Quando perguntarem por que você está saindo, tenha respostas genéricas como “querer crescer” ou “buscar uma mudança na vida”. Seja neutro e profissional até o último minuto.

Comentários
Topo