Carreira

7 expressões que você deve banir do seu vocabulário no trabalho

Se você tem ótimas ideias é necessário saber como expô-las. No trabalho e nas relações pessoais, tudo começa com confiança. Muitas pessoas são prejudicadas por expressões que acabam desestimulando os outros e também possuem impacto negativo no trabalho.

As mulheres, por exemplo, são naturalmente mais emocionais e isso pode afetar a forma como se relacionam no ambiente profissional. Pois elas têm uma tendência a se relacionarem de forma que mantenham as relações. Isso pode ser interpretado errado, como perda de autoridade e falta de confiança.

VEJA MAIS:6 frases que as pessoas de sua equipe querem ouvir

A boa noticia é que sempre é possível reeducar seus hábitos de linguagem, de forma que você soe mais confiante. Será que você está se colocando em desvantagem por conta de seus hábitos de linguagem?

Veja na galeria 7 expressões que devem ser evitadas no ambiente de trabalho:

  • “Eu não posso”

    Dizer “eu não posso” é muito diferente de “eu não vou”, que é uma expressão forte e mostra que você cria seus próprios limites. A expressão também pode indicar sinais de fraqueza e falta de capacidade para fazer algo.

  • “E se nós tentarmos?”

    É mais provável que você seja levado a sério se falar suas ideias de forma direta, sem perguntas. Colocar suas opiniões em forma de questões traz a chance das pessoas refutarem o que você está falando e fazerem críticas. Também pode indicar uma insegurança, de que suas ideias não são boas. Portanto, procure fugir disso.

  • “Obrigada!):”

    Não é uma boa ideia usar emoticons e exclamações para se expressar no ambiente profissional. Isso pode transparecer uma insegurança e também a tentativa de forçar uma simpatia e amizade fora do contexto adequado.

  • “Eu não sou um especialista, mas…”

    Esse hábito pode ser uma forma de não soar arrogante ou se prevenir caso fale algo errado. O problema é que isso pode tirar a credibilidade das suas frases. Todos nós erramos, então não faz sentido começar uma frase já se desculpando por algo.

  • Apenas

    Essa palavra minimiza o poder das frases e pode soar como um pedido de desculpas ou tentativa de ficar na defensiva. Frases como “Eu apenas queria checar…” podem ser interpretadas como um pedido de desculpas por estar tomando o tempo da pessoa, o que não é bom. Uma boa forma de largar o hábito é reler seus e-mails e textos e começar a cortar o “apenas”.

  • “Isso é TÃO BOM”

    Aumentar sua voz no final das frases para expressar uma opinião animada pode passar a impressão de que você está hesitante e causa uma falta de confiança nos seus ouvintes.

  • “Eu estou fazendo sentido?”

    Até fazer essa questão, você estava. O problema de perguntar isso várias vezes é que as pessoas começam a se questionar se o que elas estão entendendo é a mesma coisa que você está dizendo. Outra forma melhor de saber isso é pedindo para que as pessoas deem opiniões e feedbacks ao final da sua fala.

“Eu não posso”

Dizer “eu não posso” é muito diferente de “eu não vou”, que é uma expressão forte e mostra que você cria seus próprios limites. A expressão também pode indicar sinais de fraqueza e falta de capacidade para fazer algo.

Comentários
Topo