Carreira

Por que bons líderes são convictos

A convicção em um líder é um traço muito valioso. Porém essa característica é, cada vez, mais rara. É difícil encontrar um profissional que lidere com confiança, porque, atualmente, a reação mais comum frente a um problema é sentir medo.

À medida que aumenta a incerteza quanto à carreira, o cérebro cede o controle para o sistema límbico, região onde as emoções como ansiedade e pânico são geradas. Esse mecanismo, que não evoluiu desde a época das cavernas, é um obstáculo no mundo dos negócios, onde a incerteza reina e decisões importantes devem ser tomadas todos os dias.

O ser humano precisa ter certeza. É natural do ser humano querer ter certeza das coisas. Isso é tão natural que o subconsciente pode monitorar e armazenar informações de todo tipo, que o cérebro usa depois para “prever” o futuro. E isso não é só um truque da mente – é o objetivo principal do neocórtex, que é 76% da massa total do cérebro.

LEIA MAIS: 10 coisas que bons líderes não fazem de jeito nenhum

Grandes lideranças requerem convicção. No mundo dos negócios, as mudanças ocorrem tão rápido que não é possível prever o que vai acontecer em um futuro próximo, muito menos daqui um ano. A incerteza toma conta da energia mental das pessoas e as tornam menos efetivas em seus trabalhos.

O cérebro interpreta a incerteza como uma ameaça, que libera uma dose de cortisol (hormônio relacionado ao estresse) para o resto do organismo. Esse hormônio causa perda de memória, destrói o sistema imunológico e aumenta o risco de pressão alta e depressão.

Líderes com convicção criam um ambiente de certeza para todos à sua volta. Quando um líder está absolutamente convencido que seguiu o melhor rumo, todos que os seguem inconscientemente absorvem suas crenças e espelham seu estado emocional. Em outras palavras, pessoas seguras se concentram melhor em suas tarefas.

LEIA MAIS: 8 carreiras para quem é bom em relacionamentos

Veja na galeria abaixo características de líderes convictos:

  • Eles estão dispostos a assumir os erros da sua equipe, não importa que erro. Líderes convictos deixam claro que, para eles, desafios, críticas e pontos de vista diferentes são bem-vindos.

  • Eles são confiantes (não egocêntricos). É fácil as pessoas gravitarem em volta de líderes confiantes porque a confiança é contagiosa e faz com que as pessoas acreditem que um futuro brilhante as espera. O truque, como líder, é se assegurar que sua segurança não se torne arrogância.

  • Eles têm inteligência emocional. Líderes convictos têm noção de seus medos e conseguem percebê-los quando eles surgem. Assim, podem controlá-los antes que não seja mais possível.

  • Eles abraçam as causas que não podem controlar. Afinal, as pessoas podem se sentir como estivessem à mercê da situação em que estão inseridas. Aceitar o que não pode ser modificado e focar no seu trabalho é a única maneira racional de lidar com o desconhecido.

  • Eles não se perguntam: “E se?”. Esse tipo de pergunta abre espaço para questionamentos que não são bem-vindos, estresse e preocupações. Não há espaço para sentimentos como esse no dia a dia de um bom líder.

  • Eles confiam em sua intuição. Instintos não podem ser ignorados nem forçados. Albert Einstein dizia que tinha suas melhores ideias enquanto velejava, e quando Jobs se deparava com um grande problema, tirava um tempo para caminhar.

  • Eles têm uma trajetória. Líderes com convicção utilizam o tempo para praticar a intuição. Eles começam deixando seus instintos comandarem na hora de fazer pequenas escolhas, para, só depois, partirem para grandes escolhas.

  • Eles são pessoas positivas. Líderes convictos veem um futuro brilhante com claridade e têm a energia e o entusiasmo para se assegurarem de que todos podem vê-los da mesma forma também.

  • Ser convicto assegura às pessoas que o trabalho delas importa. Elas saberão que, se concentrarem suas energias em uma determinada direção, conseguirão alcançar resultados. Essa crença mais do que acalma os trabalhadores da equipe, ela cria uma profecia de sucesso que, com certeza, vai se realizar.

  • Eles são modelos de comportamento. Funcionários admiram e respeitam seus superiores quando eles são esse tipo de chefe. Muitos líderes dizem que algo é importante para eles, mas não fazem o que pregam. O melhor caminho para ser um exemplo de chefe é se comportar de acordo com o que você espera de seus funcionários. Você vai se surpreender com o resultado que suas ações têm.

  • Líderes confiantes são humildes. Eles não permitem que suas conquistas e sua posição de autoridade o façam se sentir como se fosse melhor que seus funcionários. Líderes de verdade não hesitam em arregaçar as mangas e fazer o trabalho sujo junto de sua equipe.

  • Eles confiam em si mesmos. São capazes de identificar quando estão sendo influenciados por emoções e opiniões alheias. Sua habilidade em filtrar os sentimentos que não são seus os ajudam a focar em seu trabalho.

  • Eles são fortes (não ríspidos). Força é uma grande qualidade de um líder convicto. As pessoas esperam para ver se um líder é forte antes de decidir seguí-lo. Elas precisam sentir que seu líder é corajoso e capaz de tomar decisões difíceis pelo grupo. Líderes fortes criam pessoas fortes.

Eles estão dispostos a assumir os erros da sua equipe, não importa que erro. Líderes convictos deixam claro que, para eles, desafios, críticas e pontos de vista diferentes são bem-vindos.

Comentários
Topo